Blog

Investidor Arrojado

Plano de trading: passo a passo para colocar em prática

Por Adriano Ignatti
26 agosto 2021 - 10:25 | Atualizado em 03 agosto 2021 - 10:35
plano de trading

Entrar no mercado financeiro vem se tornando um desejo recorrente para boa parte das pessoas, até mesmo para quem nunca atuou no segmento e desconhece as suas principais características. No entanto, para garantir um bom resultado, é recomendável ter um bom plano de trading e, por isso mesmo, preparamos um passo a passo para você colocar em prática.

Mais do que um mero planejamento, o plano de trading pode ser a diferença entre tomar decisões acertadas e altamente lucrativas ou apenas se aventurar na área e amargar um belo prejuízo no final das contas. Continue lendo o post e aprenda mais sobre o assunto!

Afinal, o que é um plano de trading?

Podemos definir o plano de trading como um conjunto de planejamentos e etapas que os operadores podem determinar para ter mais segurança e eficiência no mercado financeiro, direcionando as decisões na Bolsa de Valores. Trata-se de uma estratégia de gerenciamento para garantir que, com o passar do tempo, seus lucros superem os prejuízos.

São muitos os aspectos que fazem parte do plano de trading e, via de regra, ele costuma contemplar alguns fatores, como em quais ativos operar, quais são os horários disponíveis para isso, quais são os seus objetivos de ganho, quais os limites de perdas, quantas operações você pretende fazer por dia e até mesmo quando parar.

Qual o passo a passo para fazer um plano de trading?

Agora que você já sabe melhor o que é um plano de trading, chegou a hora de colocar o conceito em prática e utilizá-lo em seu benefício. No entanto, para isso, é crucial que você saiba como elaborá-lo. Por essa razão, você não pode deixar de conferir o passo a passo abaixo. Acompanhe.

Liste os seus principais objetivos

O primeiro passo para fazer um plano de trading é listar os seus principais objetivos. Obviamente, todo mundo quer lucrar com as operações, mas é essencial determinar, por exemplo, aonde você quer chegar e quanto você quer investir em curto, médio e longo prazo. Também é uma boa ideia pensar no que você quer fazer com o dinheiro que ganhar.

Escolha em quais ativos operar

O próximo passo para fazer um plano de trading é escolher com quais ativos você quer operar. Cada opção tem as suas particularidades, e conhecê-las bem pode fazer toda a diferença no resultado. Pelo menos na fase inicial, pode ser recomendável escolher um tipo de ativo e se especializar nele. Com o passar do tempo, você pode partir para uma maior diversificação.

Defina e reavalie suas estratégias

Por fim, você precisa definir suas estratégias, estabelecendo os critérios de compra e venda. Sem um critério definido, você pode realizar operações às cegas, caindo no chamado overtrading. Também é muito importante que você reavalie suas ações e reveja os pregões passados, tentando melhorar os seus hábitos e consertar os seus erros.

Agora que você já conhece o passo a passo para colocar em prática o seu plano de trading, fica muito mais fácil entrar no mercado e conseguir conquistar os seus objetivos!

Gostou de aprender como colocar em prática o seu plano de trading? Então não deixe de fazer seu comentário aqui no blog!




Sobre o autor