Blog

Investidor Iniciante

O que são fundos imobiliários de papel e como investir? Confira!

Por Fast Trade
08 junho 2022 - 17:26 | Atualizado em 22 junho 2022 - 17:27
Fundos imobiliários de papel
Imagem: GettyImages

O mercado financeiro oferece uma imensa quantidade de produtos e ativos diferentes para quem deseja aplicar algum recurso, configurando-se como uma alternativa bastante versátil e que pode atender a praticamente qualquer tipo de perfil. Pensando nisso, resolvemos preparar um post mostrando o que são fundos imobiliários de papel e como investir.

Trata-se de uma escolha que vem chamando bastante a atenção dos brasileiros nos últimos tempos, com resultados bastante interessantes e possibilidades de aplicações tanto em renda fixa quanto na variável. Quer aprender mais sobre o assunto? Então, não deixe de continuar sua leitura!

O que são fundos imobiliários de papel?

De uma maneira resumida, podemos dizer que os fundos imobiliários de papel são aqueles que aplicam os recursos dos seus cotistas em carteiras constituídas por aplicações preenchidas por instrumentos financeiros com lastro no setor de propriedades. Feito isso, as cotas podem ser vendidas na Bolsa de Valores, tanto para pessoas físicas quanto para jurídicas.

Entre os principais fundos imobiliários de papel dos dias de hoje, podemos citar o CRI (Certificado de Recebíveis Imobiliários), LCI (Letras de Crédito Imobiliário) e LH (Letras Hipotecárias). Na prática, o capital recebido serve para impulsionar os empreendimentos e o retorno chega por conta de vendas, empréstimos, locações mensais e assim por diante.

Quais as vantagens dos fundos imobiliários de papel?

Agora que você já aprendeu o que são fundos imobiliários de papel, podemos nos aprofundar no tema e explicar melhor quais as vantagens que eles oferecem para o investidor. O sucesso que o produto vem demonstrando não é por acaso e, dependendo do seu perfil, pode ser uma escolha muito adequada para o seu portfólio. Confira.

Baixo risco

Um dos principais motivos para investir nos fundos imobiliários de papel é que ele pode ser considerado um ativo de baixo risco. Isso ocorre não apenas porque o setor de propriedades é muito seguro e valorizado no Brasil, como também pela própria natureza da sua composição, que aposta na diversificação dos títulos e contam com menor volatilidade.

Boa liquidez

Outra das interessantes vantagens dos fundos imobiliários de papel é sua boa liquidez. Isso ocorre porque são títulos com uma ótima circulação no mercado e que despertam o interesse de muitos investidores. Com isso, é viável comprar e vender cotas sem dificuldades, de acordo com as necessidades, objetivos e o momento da economia.

Variedade de opções

Como dissemos, os fundos imobiliários de papel possuem uma grande diversificação de ativos, o que acaba sendo um diferencial imprescindível para o mercado financeiro. Os fundos de tijolo, por exemplo, são atrelados a imóveis como shoppings, galpões, centros comerciais ou mesmo hospitais, trazendo boas garantias para os investidores.

Quais os principais fundos imobiliários de papel?

Depois de conhecer as vantagens dos fundos imobiliários de papel, é bem provável que você esteja cogitando incluir alguns na sua carteira. No entanto, se deseja experimentar os melhores resultados, é fundamental aprender mais sobre o ativo e entender as suas características. Acompanhe.

Letras de Crédito Imobiliário

Provavelmente, as Letras de Crédito Imobiliário, também conhecidas pela sigla LCI, são os fundos imobiliários de papel mais conhecidos no mercado brasileiro e contam com cobertura do FGC (Fundo Garantidor de Crédito). Sua emissão é feita por bancos ou instituições financeiras, que levantam recursos para financiamentos e projetos de reforma ou construção.

Certificados de Recebíveis Imobiliários

Outro dos fundos imobiliários de papel bastante conhecido por aqui é o Certificado de Recebíveis Imobiliários (CRI). O seu perfil é de renda fixa e sua emissão é realizada por empresas não financeiras, com o intuito de financiar projetos de expansão do setor de propriedades. Com prazos de vencimento mais longos, tem rentabilidade maior e se assemelha a uma debênture.

Letras Hipotecárias

Como o próprio nome já diz, as Letras Hipotecárias são lastreadas em créditos imobiliários de hipotecas. Sua emissão é feita por instituições financeiras, como bancos, companhias, associações de poupança e sociedades de crédito, que depois emprestam os recursos obtidos para o Sistema Financeiro de Habitação (SFH). Também são protegidas pelo FGC.

Como escolher um fundo imobiliário de papel?

É preciso saber como analisar e escolher um fundo imobiliário de papel na hora de fazer os seus investimentos. No entanto, isso pode ser mais simples do que parece. O primeiro passo costuma ser analisar o histórico da gestão do FII, verificando como a administração se comportou em diferentes momentos e se isso está em sintonia com seus objetivos.

Nesse contexto, é imprescindível verificar as políticas e regulamentos, avaliando a composição da carteira e certificando-se de que ela é bem diversificada, com títulos indexados ao IPCA, ao CDI, ao IGP-M e assim por diante. Tente observar também o número de negócios por dia, que informa a liquidez e expõe se é fácil comprar e vender as cotas na nossa Bolsa de Valores, a B3.

Vale a pena investir em fundos de papel?

E então, será que vale a pena investir em fundos de papel? A resposta para a pergunta depende, sobretudo, do seu perfil de investidor e dos seus objetivos. Afinal, como qualquer aplicação, ela precisa ser analisada particularmente, cruzando os dados com sua tolerância em relação a taxas, prazos, possibilidades de crescimento e de perda do patrimônio, por exemplo.

Entretanto, o que podemos afirmar é que, se você busca maior diversificação do portfólio ou está mirando em produtos de baixo risco, a alternativa é por um fundo imobiliário de papel. Do ponto de vista dos lucros, notadamente imediatos, pode haver ativos mais voláteis, como as ações e outros FIIs — mas é preciso ter em mente que eles também são bem mais arriscados.

Como você pôde ver, os fundos imobiliários de papel são uma opção interessante e pode oferecer excelentes resultados dependendo do seu perfil de investidor e dos seus objetivos. Conheça melhor os produtos disponíveis no mercado e comece a comprar algumas cotas para o seu portfólio de aplicações!

Gostou de aprender o que são fundos imobiliários de papel e como investir? Ainda ficou com alguma dúvida ou quer deixar sua sugestão para nós? Então, escreva seu comentário aqui no post!




Sobre o autor