Blog

Investidor Arrojado

Scalper trader: saiba como investir de acordo com essa modalidade

Por Adriano Ignatti
07 outubro 2021 - 10:26
scalper trader

Não é novidade para ninguém que o mercado financeiro é extremamente dinâmico e que as operações podem mudar em questão de minutos, fazendo com que ativos valorizados despenquem e outros que não chamavam a atenção se valorizem. Por isso, é essencial aprender o que é scalper trader e saber como investir de acordo com essa modalidade.

A prática de scalping tem se popularizado, principalmente entre os investidores mais inteligentes, tendo em vista que exige não apenas controle emocional, mas também muito conhecimento sobre tendências, ativos e as formas como eles podem se comportar. Continue lendo e aprenda mais sobre o assunto!

O que significa ser um scalper trader?

A palavra “scalper” vem do Inglês e pode ser entendida como “cambista”. Embora isso possa parecer pejorativo fora do mercado financeiro, no universo das ações, o scalper trader é aquele investidor que sabe aproveitar mudanças repentinas e a volatilidade dos ativos, apostando em operações pequenas, mas que podem render um grande volume quando somadas.

Na prática, a ideia é fazer dinheiro considerando e apostando nas oscilações rápidas, bem como em tendências de alta ou de baixa. Logicamente, para fazer isso, a pessoa deve ter um perfil mais arrojado, com investimentos que podem durar minutos ou mesmo segundos, derivados do day trade, com um elevadíssimo volume de negociações.

Quais são as vantagens e as desvantagens de ser um scalper trader?

Ao operar como scalper trader, como você já pôde ver, será preciso apostar em um grande volume de operações. Com isso, você não fica tão dependente dos resultados da Bolsa como um todo. Dessa forma, o risco diminui e é possível faturar bastante, até mesmo em momento de crise, desde que você saiba como encontrar oportunidades e realize escolhas acertadas.

Por outro lado, também existem desvantagens. Você já deve saber, por exemplo, que as transações realizadas contam com taxas e, quanto mais numerosas forem, mais o investidor tem que pagar em custos embutidos. Também é preciso entender que o scalping demanda volume para dar resultados, pois são negociações velozes, mas pequenas.

Como ter sucesso ao operar como scalper?

Como falamos, investidores mais experientes costumam ter melhores resultados com o scalping. Por isso, se você ainda está começando no universo das ações ou não sente segurança para esse tipo de operação, uma boa dica consiste em realizar treinos com simuladores para fortalecer as suas habilidades e conhecer melhor o mercado.

Como é um segmento complexo, vale a pena estudar e adquirir mais conhecimentos sobre os diferentes aspectos relacionados com as Bolsas de Valores, sobretudo a B3. Por fim, quando chegar a hora da prática, você deve estabelecer uma gestão de risco nas suas aplicações, com a determinação de um stop loss para evitar as perdas que possam atrapalhar o seu orçamento.

Como você pôde ver ao longo do post, ser um scalper trader pode ser muito interessante. No entanto, é inegável que isso demanda um perfil arrojado e um bom conhecimento sobre o mercado financeiro.

Gostou de aprender o que é um scalper trader e como investir de acordo com essa modalidade? Quer conferir mais conteúdos como este? Então, não deixe de seguir o nosso perfil no Facebook!




Sobre o autor