Blog

Investidor Moderado

O que é a diversificação de investimentos e como fazer na prática?

Por Bruno Zago
21 outubro 2021 - 10:42
diversificação de investimentos

Aprender as principais estratégias para atuar no mercado financeiro é imprescindível para ter bons resultados, sobretudo se considerarmos que não é todo mundo que ganhará dinheiro comprando e vendendo ativos. Por isso, aprender o que é a diversificação de investimentos e como fazer na prática pode ser muito importante.

Tal prática consiste em distribuir o patrimônio por aplicações variadas, com perfis, tipos e setores distintos, com o objetivo de equilibrar a carteira e se proteger contra eventuais perdas que podem atingir um segmento, sendo compensado pelos outros. Quer descobrir como fazer isso? Então, continue sua leitura!

Conheça o seu perfil de investidor para diversificação de investimentos

O primeiro passo para fazer a diversificação de investimentos na prática consiste em conhecer o seu próprio perfil de investidor. Afinal, como em quase tudo na vida, o que é bom para uma pessoa não precisa, necessariamente, ser o ideal para outra. Portanto, você deve avaliar os seus objetivos em curto, médio e longo prazo, além de sua tolerância para correr riscos.

Isso é fundamental porque, se você for muito arrojado, por exemplo, será admissível apostar em ativos mais voláteis, mas que podem oferecer grande rentabilidade e excelentes retornos. Para os mais conservadores, é crucial definir a distribuição dos seus recursos com bastante cuidado, para não sofrer com perdas maiores do que você está disposto a suportar.

Aproveite as boas oportunidades

Qualquer pessoa que deseje investir em ações não pode deixar de aproveitar as boas oportunidades. Quando você pensa em diversificar os investimentos, a coisa não muda de figura: é preciso estar atento ao mercado. Para isso, você deve sempre procurar as melhores opções que estejam alinhadas às suas metas e ao seu perfil de investidor.

A renda fixa pode ser uma boa escolha para o curto e médio prazo, enquanto as aplicações na renda variável são mais recomendadas para quem está disposto ao risco. Quando a bolsa cai, é comum que ativos como o ouro e o dólar subam, e vice-versa. Considerar tal fator, portanto, pode ajudar a trazer mais equilíbrio para sua carteira.

Use uma boa plataforma de negociação

Por fim, não dá para falar em diversificação de investimentos sem citar que você precisará de uma boa plataforma de negociação. Uma ferramenta do tipo ajudará a ter negociações seguras, com toda a estabilidade e preparo de que você precisa para fazer negócios rápidos e potencialmente lucrativos para o seu bolso.

Além disso, dependendo da sua escolha, você poderá encontrar bom suporte e soluções para o mercado financeiro, com funcionalidades que permitirão que você faça simulações em tempo real, domine suas movimentações, monte estudos específicos, trace gráficos que facilitam a visualização e se aprofunde no dia a dia da Bolsa de Valores.

Agora você já sabe o que é diversificação de investimento e como fazer na prática. Não se esqueça de que é muito importante revisar a carteira constantemente, fazendo as mudanças necessárias para continuar em sintonia com seu perfil e seus objetivos!

Gostou de aprender o que é a diversificação de investimentos e como fazer na prática? Quer aprender mais sobre o tema? Então, confira a diferença entre diversificação e pulverização!




Sobre o autor