Mercados

Radar do Trader: Produção industrial no Brasil, restrição de petróleo e perdas do Nasdaq

Por Fast Trade
05 outubro 2021 - 08:16 | Atualizado em 05 outubro 2021 - 10:12
ata dura

O Radar do Trader desta terça-feira (05) trouxe como destaques o indicador de produção industrial no Brasil e a manutenção da oferta restrita de petróleo no mundo. Além disso, as empresas de tecnologia dos Estados Unidos continuam a registrar perdas.

Calendário Econômico – Indicadores

  • 09:00 – Produção industrial mensal (Brasil)
  • 09:30 – Balança comercial mensal (EUA)
  • 10:00 – PMI composto e de serviço mensal (Brasil)
  • 10:00 – FMI – projeções globais (EUA)
  • 10:30 – Tesouro Nacional – Leilão de títulos (Brasil)
  • 10:45 – PMI composto, de serviços e PMI ISM não-manufatura mensal (EUA)
  • 14:15 – Federal Reserve – discurso do diretor Randal Quarles (EUA)
  • 17:30 – Variação de estoques de petróleo API (EUA)

+ Relatório Alocação de recursos: Baixe agora!

Produção industrial no Brasil

Os investidores estarão de olho nos indicadores de expansão das atividades industriais e no PMI composto e de serviços. Isso porque os índices podem revelar a situação da economia nacional.

Politicamente, Campos Neto, presidente do Banco Central, afirmou que não fará ajuste na meta de inflação. Nesse sentido, ainda disse que entregará a inflação dentro da margem somente em 2022.

A Procuradoria-Geral da República disse que vai apurar preliminarmente as denúncias contra Paulo Guedes e Campos Neto. Ambos são acusados pela reportagem “Pandora Papers” de ações irregulares em offshores.

Estados Unidos

O mercado norte-americano ainda mostra perdas nos papéis das companhias de tecnologia em virtude de avanços nos rendimentos dos títulos do Tesouro. 

Esse movimento se intensificou, contudo, com a paralisação das redes do Facebook. O Nasdaq, portanto, teve queda de 2,1%, o sexto recuo consecutivo.

No congresso é preciso haver acordo sobre o teto da dívida até dia 18 de outubro. Nesse sentido, Joe Biden, presidente dos Estados Unidos, elevou o tom e disse que os republicanos são “imprudentes e perigosos”. Caso o teto da dívida não seja aumentado, então os EUA podem entrar em inadimplência.

A informação aguardada da semana, todavia, é o Relatório de Emprego, o “Payroll”, que será divulgado na sexta-feira (08).

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader

Europa e Ásia

Na Europa, o índice Stoxx 600 avançava de 0,3% com destaque negativo para o setor de construção. Por outro lado, destaque positivo para o setor de bancos.

Na França, dados revelaram que a produção industrial avançou 1 % em agosto no comparativo mensal. O resultado, portanto, supera as expectativas que eram de 0,3%. O ritmo, ademais, foi mais intenso do que julho (0,5%).

Por fim, na Ásia, as bolsas tiveram, na maioria, perdas, seguindo o resultado dos EUA. O pregão da China não foi aberto por causa do feriado local.

  • Nikkei (Japão), -2,19% (fechado)
  • Shanghai SE (China), (não abriu)
  • Hang Seng Index (Hong Kong), +0,28% (fechado)
  • Kospi (Coreia do Sul), -1,89%

Mundo

Na segunda-feira (04), a Organização dos Países Exportadores de Petróleo e Aliados (Opep+) concordou em aumentar a produção a 400 mil barris por dia em novembro. 

Esse era o acordo feito ainda em julho, ou seja, existia a expectativa que o número fosse maior diante das pressões inflacionárias pelo preço da commodity.

Quer ficar informado de todas as novidades sobre o mercado financeiro? Então participe do Canal do Fast Trade no Telegram acessando o link: https://t.me/plataformafasttrade

Radar do Trader: Produção industrial no Brasil, restrição de petróleo e perdas do Nasdaq

Leia também:

Petrobras encerra acordos com o DoJ; ações são as preferidas do mercado


Sobre o autor