Mercados

Radar do Trader: economia dos EUA, IBC-Br, temporada de balanços e avanço na China

Por Fast Trade
13 maio 2022 - 08:06 | Atualizado em 13 maio 2022 - 09:57
Futuros de NY
Imagem: Freepik

O Radar do Trader desta sexta-feira (13) trouxe como destaques a preocupação global com a economia norte-americana, os discursos dos dirigentes distritais do Federal Reserve e o indicador de atividade econômica do Banco Central (BC) no Brasil (IBC-Br). Além disso, a China traz notícias positivas contra o avanço da Covid-19 no país e a recuperação na demanda por insumos.

Calendário Econômico – Indicadores

  • 09:00 – IBC-Br (Brasil)
  • 09:30 – Preços de bens importados e exportados (EUA)
  • 12:00 – Federal Reserve – discurso de Kashkari, membro do Fomc (EUA)
  • 13:00 – Federal Reserve – discurso de Mester, membro do Fomc (EUA)
  • 14:00 – Contagem de sondas Baker Hughes (EUA)
  • 16:30 – Posições líquidas dos especuladores no relatório CFTC (Brasil e EUA)

Brasil

Em dia escasso de indicadores, o mercado terá acesso principalmente ao Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) e à continuidade da temporada de balanços. Ao mesmo tempo, continuam no radar as discussões sobre os estudos para a privatização da Petrobras solicitadas pelo ministro da Economia, Paulo Guedes.

+ Análise gráfica: saiba como utilizar em suas operações!

As empresas que vão anunciar os números hoje são:  Auren (AURE3), Biomm (BIOM3), Celesc (CLSC4), Cemig (CMIG4), Cosan (CSAN3), Cyrela (CYRE3), Eucatex (EUCA3), Fertilizantes Heringer (FHER3), Kora (KRSA3), Lupatech (LUPA3), M Dias Branco (MDIA3), Raízen (RAIZ4), Renova (RNEW3), Saraiva (SLED3), SER Educacional (SEER3) e Wilson Sons (PORT3).

Preocupações com a economia dos Estados Unidos

Na véspera, Jerome Powell, presidente do Federal Reserve (Fed), disse que não poderia garantir um pouso suave na economia norte-americana diante do cenário persistente de inflação. Com efeito, vários membros do Federal Open Market Committee (Fomc) discursam hoje sobre a política monetária do país.

Na guerra na Ucrânia, a Rússia ameaçou a Finlândia depois que o país manifestou interesse em participar da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) o mais rápido possível. Da mesma forma, Putin anunciou sanções às subsidiários europeias da Gazprom após a suspensão de fluxos russos pela Ucrânia.

Europa e Ásia

Na Europa, o índice Stoxx 600 operava em território positivo, sinalizando recuperação. O mercado, contudo, reage ao avanço dos índices norte-americanos. Ademais, a produção industrial da zona do euro recuou 1,8% em março na relação mensal, resultado menor do que as expectativas.

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader: Baixe agora!

Por fim, as bolsas asiáticas tiveram, em geral, resultados positivos. Isto porque os investidores reagem às notícias positivas sobre o fim próximo da luta contra o Covid zero na China. Pequim descartou novo lockdown e Xangai deve alcançar o fim da transmissão comunitária nas próximas semanas.

  • Shanghai SE (China), +0,96%
  • Nikkei (Japão), +2,64%
  • Hang Seng Index (Hong Kong), +2,68%
  • Kospi (Coreia do Sul), +2,12%

Quer ficar informado de todas as novidades sobre o mercado financeiro? Então participe gratuitamente do Canal do Fast Trade no Telegram!

Radar do Trader: economia dos EUA, IBC-Br, temporada de balanços e avanço na China

Leia também:

Locaweb anuncia lucro líquido de R$ 4,5 milhões e reverte prejuízo do ano anterior


Sobre o autor