EmpresasHome

Queda do dólar e o impacto nas ações de empresas exportadoras

Por Levante Ideias de Investimentos
01 novembro 2018 - 16:10
Dólar (DOLFUT): Em dia de ata do Copom, dólar cai com exterior e à espera de falas de diretores do Fed

A eleição de Jair Bolsonaro trará impacto positivo no mercado financeiro, com diminuição da percepção de risco em relação aos ativos brasileiros. Dessa forma, esperamos que a moeda brasileira se valorize em relação ao dólar.

E Eu Com Isso?

Esperamos impacto negativo no preço das ações de empresas exportadoras e que possuem receita em dólar.

O impacto deverá ser mais negativo para as ações do setor de papel e celulose, com destaque para a Suzano (SUZB3), que após a fusão com a Fibria, se tornou a maior empresa de celulose de mercado do mundo, e que tem quase a totalidade da sua receita denominada em dólar. Impacto negativo para as ações da Fibria (FIBR3) e Klabin (KLBN11).

Outras empresas exportadoras que possuem receita em dólar deverão ter impacto negativo no preço das ações no curto prazo: i) siderúrgicas como CSN (CSNA3), Usiminas (USIM5) e Gerdau (GGBR4); e ii) produtoras de alimentos: BRF (BRFS3), Marfrig (MRFG3), Minerva (BEEF3) e JBS (JBSS3).


Sobre o autor