Agronegócio

Produção brasileira de grãos deve somar 278 milhões de toneladas na safra 2020/21

Por Fast Trade
26 agosto 2020 - 16:00 | Atualizado em 26 agosto 2020 - 17:17

A expectativa para a produção brasileira de grãos na safra 2020/21 está mais otimista, conforme revisão dos cálculos estatísticos da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

De acordo com as Perspectivas para a Agropecuária Safra 2020/21 – Edição Grãos da companhia, o Brasil poderá colher 278,7 milhões de toneladas no período.

Isso representa um aumento de 8% na produção brasileira de grãos. Do total, 95% corresponde ao milho, a soja, o algodão, arroz e o feijão.

Baixe gratuitamente: O que ninguém conta sobre os investimentos em ações

Segundo a Conab, essa revisão da previsão levou em consideração diversos dados de campo, mas também previsões climáticas e até mesmo imagens de satélites.

Presente na live de apresentação dos números, a ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) relacionou os resultados como fruto do esforço do setor produtivo.

Além disso, ela destacou os investimentos atribuídos ao governo para ampliação dos recursos financeiros e facilitação do acesso a novos produtos.

Nesse contexto, ela pontuou os produtos na linha dos bioinsumos, bem como a redução de entraves burocráticos e mais informação de qualidade para o setor. 

A agricultura brasileira está produzindo como nunca”, disse. Antes, Tereza Cristina já havia afirmado que o agronegócio foi o motor da economia durante a pandemia.

Apenas em julho o agronegócio brasileiro representou mais da metade dos embarques totais.

Já na terceira semana de agosto, a produção brasileira de grãos contribuiu para um superávit de US$ 1,309 bilhão da balança comercial. Com o resultado, o superávit do mês já chega a quase US$ 5 bilhões.

Baixe agora: Guia completo para obter sucesso nos investimentos na Bolsa

Investimentos na produção brasileira

A ministra da agricultura também pontuou que os investimentos em laboratórios e tecnologias elevam a produtividade e estão sendo observidos pelos produtores.

Isso reflete tanto no aumento de alimentos para o Brasil, como para as exportações “para que o Brasil continue sendo o grande supridor de alimentos para o mundo”.

Ela também adiantou que o Mapa trabalha para que o próximo Plano Safra seja tão bom quanto o atual, que terá financiamentos recordes.

Baixe agora: Guia de A a Z de como se tornar um trader!

Produção brasileira de soja e milho 

A Conab prevê 133,5 milhões de toneladas para a safra de soja e 112,9 milhões de toneladas para a safra de milho no próximo ano.

Assim sendo, as exportações brasileiras de soja devem crescer 5,8% (totalizando 86,79 milhões t) e as do milho podem crescer 13% (somando 39 milhões t). Clique aqui para ouvir a matéria da Rádio Mapa e confira as estimativas para outros grãos.

Baixe agora: Tudo o que você precisa saber sobre análise técnica de ações e futuros

Quer ficar informado de tudo o que acontece no mercado financeiro? Então participe gratuitamente do Canal do Fast Trade no Telegram através do link: https://t.me/plataformafasttrade


Sobre o autor