HomeMercados

Petróleo fecha em alta com redução contínua de oferta da Opep

Por Pablo Vinicius Souza
05 novembro 2019 - 19:42
exportação de petróleo

Os contratos futuros de petróleo encerraram em alta nesta terça-feira (05), fazendo o terceiro pregão consecutivo de ganhos, amparado pelo progresso nas negociações entre Estados Unidos e China.

Segundo o jornal South China Morning Post, Pequim sinalizou querer “compromissos mais sólidos” do governo americano acerca da suspensão de tarifas sobre seus produtos, antes de fechar o acordo comercial.

Momentos antes, Washington teria se manifestado afirmando que os EUA estariam dispostos a suspender a imposição de tarifas sobre US$112 bilhões em importações chinesas para garantir a formalização da primeira fase do pacto.

O fato renovou a confiança dos investidores quanto à resolução do conflito entre as duas maiores economias do mundo e ao restabelecimento dos níveis de demanda da commodity.

Porém, o que determinou o movimento positivo dos contratos nesta sessão foi a notícia de que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) pretende reduzir os níveis de oferta pelos próximos cinco anos.

Na reunião agendada para o dia 05 de dezembro, os países do cartel e aliados, incluindo a Rússia, devem discutir em qual medida será esse corte e qual será o nível de adesão dos participantes.

Como resultado, o petróleo vendido no West Texas Intermediate (WTI) de referência americana, para entrega em dezembro avançou 1,22%, sendo negociado a US$57,23 o barril.

Já o petróleo Brent para janeiro, comercializado na ICE de Londres, de referência global, subiu 1,33%, fechando na cotação de US$62,96 o barril.


Sobre o autor