HomeMercados

Petróleo fecha em alta apesar da baixa liquidez e das tensões EUA-China

Por Pablo Vinicius Souza
28 novembro 2019 - 19:40
exportação de petróleo

Os contratos futuros de petróleo encerraram em alta nesta quinta-feira (28), depois de ter passado por intensa volatilidade ao longo do dia.

O petróleo vendido em Nova Iorque no West Texas Intermediate (WTI), com entrega para janeiro, subiu 0,15%, sendo negociado a US$58,20 o barril.

Já o petróleo Brent para o mesmo mês, comercializado na ICE de Londres, avançou 0,41%, fechando na cotação de US$63,27 o barril.

Novamente, as relações entre Estados Unidos e China catalisaram as expectativas, limitando o movimento de alta das cotações.

Na manhã de hoje, o presidente americano, Donald Trump, sancionou uma lei que fornece apoio aos manifestantes de Hong Kong, que estão protestando contra o governo local desde março deste ano.

O documento legislativo prevê sanções às pessoas acusadas de violar direitos humanos durante os atos democráticos e ainda anuncia uma fiscalização anual das garantias e liberdades no território.

Em resposta, o governo chinês ameaçou fazer retaliações à Washington, considerando que o ato constitui uma “séria interferência em assuntos internos da China e uma clara violação do direito internacional”.

Embora o fato tenha preocupado os investidores quanto à conclusão do acordo comercial, a baixa liquidez das transações ajudou a commodity a apresentar um bom desempenho.


Sobre o autor