HomeMercados

Petróleo avança mais de 1% com anúncio de cortes na produção da Opep

Por Pablo Vinicius Souza
06 dezembro 2019 - 19:42
exportação de petróleo

Os contratos futuros de petróleo avançaram mais de 1% nesta sexta-feira (06), refletindo o comunicado da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) sobre novos cortes na produção.

O petróleo vendido em Nova Iorque no West Texas Intermediate (WTI), com entrega para janeiro, subiu 1,31%, sendo negociado a US$59,20 o barril. Na semana, os ganhos deste contrato chegaram a 6,7%.

Enquanto o petróleo Brent para fevereiro, comercializado na ICE de Londres, avançou 1,57%, fechando na cotação de US$64,39 o barril. Na variação semanal, o Brent valorizou 6%.

Segundo um anúncio oficial realizado pela Opep, todos os seus integrantes e um grupo de aliados liderados pela Rússia, aceitaram reduzir os níveis de produção em mais 500 mil barris por dia.

Os novos cortes terão início a partir de janeiro e a redução total por país será de 1,7 milhão de barris diários, ajudando a afastar os temores de um possível excesso de oferta da commodity.

Porém, segundo analistas, a questão não é somente se comprometer com a meta, mas de fato cumpri-la, o que muitos não fizeram após a última reunião.

Mesmo assim, o otimismo do momento apoiou o aumento dos preços nesta sessão, promovendo um ajuste para cima das cotações.

Além disso, os dados sobre o número de sondas em funcionamento nos Estados Unidos caíram pela sétima semana consecutiva, registrando o total de 663 aparelhos ativos, o que igualmente ajudou a afastar as preocupações com os níveis globais de oferta.


Sobre o autor