Mercados

Petróleo anula perdas da véspera e fecha em alta

Por Fast Trade
14 janeiro 2021 - 19:08 | Atualizado em 14 janeiro 2021 - 19:20
Foi a segunda vez que a Petrobras anunciou reduções neste mês.

Os contratos futuros do petróleo WTI para fevereiro avançaram 1,24%, a US$ 53,57, recuperando o patamar perdido na véspera após queda de 0,56%. Em contrapartida, o Brent apenas recuperou parte das perdas (-0,91%) com a alta de 0,64% desta quinta-feira (14), para US$ 56,42 por barril.

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader!

Os preços de ambas as commodities refletiram uma série de catalisadores, dentre eles as novas previsões para a demanda global. Nesse sentido, o regulador da indústria de petróleo da Noruega cortou suas previsões de produção de petróleo entre 2021-2023.

Assim sendo, a Norwegian Petroleum Directorate (NPD) estima um crescimento de 3,6% da produção de petróleo em 2021. Isso significa um recuo de 1,87 milhão de bpd (da estimativa anterior) para 1,76 milhão de bpd.

Em contrapartida, a previsão para 2024 superou em 2,6% a projeção anterior, para uma máxima esperada de 16 anos, de 2,1 milhões de bpd.

Além disso, a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) reduziu suas projeções para a produção do petróleo no Brasil em 2020 e 2021.

Conforme relatório mensal publicado hoje, a entidade reduziu sua estimativa de 3,71 milhões de barris por dia (bpd) para 3,69 milhões de bpd em 2020.

Do mesmo modo, a previsão para 2021 recuou de 3,89 milhões de bpd para 3,86 milhões de bpd. Apenas em novembro do ano passado, a produção de petróleo bruto no Brasil declinou para uma média de 2,76 milhões de bpd.

“A produção de petróleo atingiu 3,09 mb/d em agosto de 2020, mas começou a cair em setembro e nos meses subsequentes”, disse a Opep.

+ Derivativos – O guia definitivo para começar a investir

Outros catalisadores do petróleo

O mercado da commodity de energia também repercutiu o ritmo das importações chinesas.

Apenas em relação ao petróleo bruto, as importações totais da China cresceram 7,3% no ano passado, totalizando 542,4 toneladas, ou 10,85 milhões de bpd.

Mesmo diante da crise gerada pelo novo coronavírus, os preços baixos estimulam o armazenamento do maior comprador mundial da commodity.

“As refinarias chinesas estão ocupadas tentando refinar combustíveis para aquecimento já que o inverno na Ásia está brutal este ano”, avaliou Phil Flynn, analista de mercado sênior do The Price Futures Group, em um relatório.

Ademais, a expectativa de um novo pacote de estímulos nos EUA contribuiu para a virada no humor dos investidores.

A expectativa é que o presidente-eleito, Joe Biden, proponha um aumento de US$ 2 trilhões em gastos fiscais para a recuperação da economia norte-americana.

Guia do Investidor Iniciante

Quer ficar informado de todas as novidades sobre as técnicas e estratégias aplicadas ao day trade? Então participe gratuitamente do Canal do Fast Trade no Telegram através do link: https://t.me/plataformafasttrade.


Sobre o autor