Mercados

Perspectivas econômicas e um exterior misto devem movimentar esta terça-feira

Por TradersClub
06 abril 2021 - 09:58 | Atualizado em 06 abril 2021 - 12:03
Bolsa de Valores

O início dos negócios na B3 nesta terça-feira é marcado por um exterior misto: Europa segue o otimismo da véspera dos EUA, que hoje sinalizam pausa nos ganhos.

Ânimo com a economia americana é contrabalançado por notícia sobre pedido da China a bancos para reduzirem crédito. Moedas também têm desempenho misto, apesar da alta das commodities.

Agenda do dia traz falas de Roberto Campos Neto em dois eventos, agora e às 11h00, além do ministro da Economia, Paulo Guedes, às 15h30.

O ministro ontem negou atritos com o Congresso pelo Orçamento e sinalizou solução para o impasse até 22 de abril. Já o Estadão afirma que emendas maiores tiveram aval de Guedes.

Campos Neto reiterou há pouco que vê melhor ambiente na economia e que o choque da inflação é temporário.

Leilão de NTN-B, índices de gerentes de compras, o PMI, de serviços e dados de vendas de veículos pela Fenabrave também estão no calendário.

Destaque para o relatório com projeções econômicas que será divulgado pelo Fundo Monetário Internacional, o FMI, e a participação na Reunião de Primavera do fundo da secretária do Tesouro americano, Janet Yellen, que ontem defendeu uma taxa mínima global de impostos corporativos, citando questões de competitividade.

Cenário Político 

O presidente Jair Bolsonaro dará posse aos seis novos ministros e pode comentar queda na popularidade. De acordo com a XP/Ipespe, subiu em quatro meses de 35% para 48% o percentual dos que consideram o governo ruim ou péssimo.

O ex-presidente Lula, pela primeira vez, apareceu numericamente à frente de todos os candidatos nas pesquisas de intenção de votos para 2022.

Receio do mercado é que o presidente Jair Bolsonaro comece a tomar medidas populistas e coloque de lado agenda reformista.

No radar está ainda a expectativa otimista do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, de que a vacinação no país pode atingir a meta de 2 milhões de vacinados por dia em maio.

A Anvisa se encontra com 11 governadores interessados em importar a vacina russa Sputnik V, e a Câmara vota projeto que autoriza compra de imunizantes pela iniciativa privada.

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, deve detalhar a Infra Week, que começa amanhã, durante a qual o governo vai licitar 28 concessões.

Na cena corporativa, duas precificações de ofertas: Dasa e LG Informática, além de BTG Pactual comprar posição da Caixa no Banco Pan.

Para mais informações, leia o Espresso das 08h00.
Bolsa: Índice deve abrir estável. O EWZ, que replica o Ibovespa, subia 0,21%.
Dólar: Moeda deve subir em linha com outros emergentes. Riscos fiscais e políticos no radar. Ânimo com vacinação pode animar.
Juros: Devem seguir câmbio, yields, Campos Neto, leilão do Tesouro e solução para Orçamento

Quer ficar informado de todas as novidades do mercado financeiro? Então participe do Canal do Fast Trade no Telegram através do link: https://t.me/plataformafasttrade

Perspectivas econômicas e um exterior misto devem movimentar esta terça-feira

Leia também:

Mercado financeiro mantém projeção para a Selic em 2021 e mais projeções

Inflação medida pelo IPC-S foi de 1% em março


Sobre o autor