EmpresasHome

O preço do minério acumula alta de 6% – Destaque positivo para mineradoras

Por Eduardo Guimarães
18 outubro 2018 - 10:45

O preço do minério de ferro teve alta de 2,6 por cento para 73,36 dólares por tonelada no porto chinês de Qingdao. Esta é a maior cotação desde 7 de março. O preço do minério já acumula alta de 6 por cento em outubro e de 1 por cento em 2018.

A situação levou as mineradoras a serem destaques positivos entre as Bolsas mundiais.

E Eu Com Isso?

A notícia é positiva para empresas que produzem o minério no curto prazo, como a Vale (VALE3). Ontem (17), as ações da companhia fecharam em alta de 1,9 por cento.

Os preços do minério tiveram forte alta em janeiro e fevereiro, mas depois ficaram praticamente de lado nos meses seguintes, no patamar entre 63 e 70 dólares por tonelada.

A alta recente no preço do minério pode ser explicada pela redução significativa da produção de aço na China. A demanda por minério de ferro na Ásia deverá ficar estável, e, com isso, não há crescimento relevante na oferta mundial de ferro.

Os principais catalisadores para o preço das ações da Vale são o preço do minério de ferro e a taxa de câmbio. Como o minério de ferro produzido pela Vale tem maior qualidade, a empresa consegue um prêmio no preço vendido no produto.

Leia também:

Cyrela (CYRE3) – Resultado operacional do trimestre

Venda de imóveis cresce em São Paulo

Estrategista da Levante recomenda compra de Itaú (ITUB4)


Sobre o autor