Economia

Ministério da Economia: dados de junho/julho mostram retomada em “V”

Por Fast Trade
11 setembro 2020 - 07:00 | Atualizado em 11 setembro 2020 - 07:31

De acordo com a Secretaria de Política Econômica do Ministério da Economia, os números de atividade de junho e julho mostram rápida recuperação da economia, conforme reportagem da Reuters.

A leitura veio após o IBGE divulgar sobre as vendas no varejo em julho que tiveram alta de 5,2% na frente ao mês anterior (junho). O salto de 5,2% superou superou em muito a estimativa do mercado (+1,2%), conforme a pesquisa realizada previamente pela Reuters.

Baixe agora: Guia completo de como ter sucesso nas operações de day trade

Na avaliação da SPE, os resultados confirmam retomada em V tanto para a indústria quanto para o comércio após os meses mais críticos da pandemia.

Em nota, a secretaria relacionou os bons resultados com as políticas adotadas pelo governo federal para proteger o emprego formal e outras medidas econômicas. Foi citado ainda a concessão do auxílio emergencial concedido pelo governo para o enfrentamento dos efeitos econômicos oriundos da pandemia.

Apesar da leitura otimista, a SPE reconhece que a performance do setor de serviços ainda não se compara com a performance da indústria e comércio.

“A recuperação desde o vale, em maio, foi de 5,0%”, destacou em nota a secretaria. Portanto, “para retomar o nível anterior à pandemia, a PMS (Pesquisa Mensal de Serviços) ainda terá que crescer 17,0%”, completou.

Baixe gratuitamente: Guia do investidor iniciante

Ministério da Economia cita reformas

Embora os números indiquem essa retomada em “V” para indústria e comércio, isso não exclui a necessidade de retomar a agenda de reformas.

Essa é a avaliação da ramificação do Ministério da Economia, que pontuou ainda a necessidade de retomar a consolidação fiscal para firmar a recuperação econômica.

Baixe gratuitamente: O que ninguém conta sobre os investimentos em ações

Além disso, a secretaria destacou a importância de medidas que tramitam no Congresso Nacional e compreendem a modernização da lei de falências, para o setor de gás e para estímulo ao transporte por cabotagem.

Assim também, já estão tramitando as reformas tributária e administrativa.

IGP-M sobe 4,41% na primeira prévia de setembro

Na esteira dos resultados positivos destacados pelo Ministério da Economia, a Fundação Getulio Vargas (FGV) mostrou ontem (10) que o Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) cresceu 4,41% na primeira prévia de setembro, após o salto de de 1,46% na primeira leitura de agosto.

Com isso, o índice acumula uma valorização de 14,47% no ano de 2020 e +18,01% em 12 meses.

Baixa gratuitamente o relatório especial sobre os Fundos Imobiliários

‘Brasil é o país da América Latina que melhor se recupera da crise da Covid-19’, avalia UBS

Outro indicativo sobre esse momento de recuperação da economia do Brasil é a avaliação do UBS, que destaca o país entre toda a América Latina.

Conforme o relatório do banco, o Brasil é o país da região com melhor recuperação em relação à crise causada pela pandemia do novo coronavírus.

O documento divulgado ontem ao mercado aponta que a economia brasileira foi a menos impactada; na outra ponta (quem sofreu maior perda) está o Peru.

Assim sendo, os economistas do UBS mantiveram seus cenários de PIB sob diferentes premissas de reabertura, mas reconhecem que os riscos no México estão aumentando.

Por sua vez, o consenso de PIB se estabilizou no Brasil em uma queda de 5,3% no período. Estimativa para o Chile é de -9,9%.

Baixe agora: Dólar e Mini Dólar – Desvendando este mercado

Ações

Segundo os estrategistas do UBS, os preços das ações brasileiras podem chegar ao pico com o estímulo chinês mudando seu foco, de imóveis para infraestrutura/serviços.

Nesse contexto, especialistas do banco mantém o rating Neutro no Brasil dentro do benchmark de ações dos mercados emergentes, e ainda prefere o mercado do México.

Veja mais dados do Ministério da Economia:

Balança comercial é superavitária em US$ 1,795 bilhão na 1ª semana de setembro

Contas públicas devem fechar 2020 com déficit de R$ 866,4 bilhões

Atividade da indústria cresce em agosto com recorde de produção e encomendas

‘A economia já pegou no tranco’, afirma Guedes

Se você quer ficar informado de tudo o que acontece no mercado financeiro, participe do canal do Fast Trade no Telegram através do link: https://t.me/plataformafasttrade. É gratuíto!


Sobre o autor