Mercados

Mercado de capitais capta R$ 35,3 bi em outubro e acumula R$ 275,1 bi no ano

Por Fast Trade
19 novembro 2020 - 08:00 | Atualizado em 19 novembro 2020 - 08:29
O dia em mercados internacionais é misto

As emissões do mercado de capitais registraram, em outubro, a segunda maior captação de 2020: R$ 35,3 bilhões, alta de 43,7% frente a setembro. Com o saldo do décimo mês do ano, o volume emitido chegou a R$ 275 bilhões desde janeiro.

De acordo com a Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima), isso representa um decréscimo de 18,51% na base anual.

Além disso, as ofertas que estão em andamento registraram volumes esperados até o momento de R$ 17,6 bilhões. Já as ofertas em análise anotaram R$ 10,8 bilhões, desconsiderando o volume das ofertas de ações.

Em outubro, as operações de renda variável responderam por 54,19% do total captado, isto é, R$ 19,1 bilhões.

Baixe agora: Guia de A a Z de como se tornar um trader!

IPOs e follow-ons

Nesse sentido, houve destaque para a parcela de 37,62% atribuída às ofertas subsequentes (follow-ons).

Segundo a representante das instituições do mercado de capitais brasileiro, Anbima, a porcentagem é quase três vezes maior que o volume de setembro.

Isso significa um avanço de 88,88% em relação ao décimo mês do ano passado. O levantamento da Anbima mostrou ainda que outubro marcou a maior representatividade do volume dos IPOs de 2020.

As ofertas iniciais representaram 16,58%, ou R$ 5,8 bilhões em termos absolutos, ante 14,2% de setembro.

Esse resultado reforça o bom momento das ações em 2020, apesar da crise provocada pela pandemia, como fonte de captação de recursos para as empresas.

No total, 16 companhias abriram o capital no período, conforme mostrou o gráfico da Anbima. Veja aqui. Assim também, houve a precificação de cinco ofertas que, no entanto, não foram encerradas até o fim de outubro.

Baixe agora: Tudo o que você precisa saber para fazer uma análise técnica de ações e futuros

Outros investimentos do mercado de capitais

As emissões de debêntures responderam por 29,01% do total emitido em outubro com R$ 10,2 bilhões, avanço de 5,84% do apurado em setembro.

A Anbima mostrou que os intermediários e participantes ligados à oferta ficaram com a maior parte das debêntures distribuídas em 2020 (73,1%). Essa porcentagem, contudo, ficou abaixo da apresentada no primeiro semestre do ano.

Por sua vez, os fundos de investimento recuaram fortemente de 54,6% em outubro de 2019 para 15,4% em outubro deste ano.

Ademais, os títulos relativos à securitização – incluindo CRI, CRA e FIDC – emitiram R$ 2,4 bilhões (-56,23% frente a setembro). Esses ativos equivalem a 18,03% do total emitido em 2020 e, portanto, superaram a porcentagem de 16,75% na comparação anual.

Detentores de parte desses ativos, os fundos de investimentos imobiliários computaram um volume de R$ 3,1 bilhões.

O resultado ficou 29,57% acima do emitido em setembro, mostrou o relatório da Anbima. No ano, esses fundos emitiram R$ 32,9 bilhões contra R$ 28 bilhões do mesmo período de 2019.

Clique aqui para baixar o relatório completo da Anbima sobre o mercado de capitais.

Baixe agora: Derivativos – O guia definitivo para começar a investir

Indústria de fundos em outubro exibe saída líquida de R$ 63,05 bilhões

Em outro relatório, também referente a outubro, a Anbima indicou que a indústria de fundos registrou saída líquida de R$ 63,05 bilhões.

O resultado, de acordo com a própria instituição, apenas fica atrás da captação de abril (-R$ 80,5 bilhões) devido aos impactos iniciais da pandemia.

No ano, a captação recuou para R$ 134,84 bilhões. Esse desempenho ficou abaixo do anotado pelo mercado no mesmo período do ano passado (250,4 bilhões).

Na avaliação da Anbima, esse movimento pode estar associado às incertezas no curto prazo.

Nesse sentido, destaca-se, por exemplo, o quadro fiscal e a volatilidade no mercado de ações, bem como o aumento recente da inflação corrente em outubro, fato que impactou a performance da carteira de títulos públicos prefixada.

Baixe agora: Guia completo de como ter sucesso nas operações de day trade

Quer ficar informado de todas as novidades sobre as técnicas e estratégias aplicadas ao day trade? Então participe gratuitamente do Canal do Fast Trade no Telegram acessando o link: https://t.me/plataformafasttrade

Leia também:

Volume de negociação na B3 disparou após a liberação dos BDRs


Sobre o autor