Empresas

J.P. Morgan eleva o preço-alvo da Petrobras para R$35,50 em 2021

Por Fast Trade
28 maio 2021 - 16:14 | Atualizado em 28 maio 2021 - 18:36
Multilaser Petrobras

O J.P. Morgan elevou a recomendação das ações da Petrobras (PETR3/PETR4) para “overweight”, estabelecendo o preço-alvo de R$35,50 ao final de 2021.

Além disso, o banco aumentou as estimativas de preço das American Depositary Receipts (ADRs) da estatal, fixando o valor de US$13 para o período. Em seu relatório, a instituição avaliou que as perspectivas em relação à petroleira estão melhorando com a postura da nova gestão.

De acordo com os analistas do J.P., Rodolfo Angele, Ricardo Rezende e Lucas Yang, “a nova equipe de gestão manteve não apenas a direção estratégica, mas também deu continuidade às ações”.

Guia Completo sobre Investimentos em Fundos Multimercados

Isto porque, o general da reserva, Joaquim Silva e Luna, na condição de novo CEO da companhia, se comprometeu em manter as diretrizes, como o foco no pré-sal, o controle de custos, a gestão dos portfólios e a disciplina na alocação de capital.

Da mesma forma, os analistas citaram o progresso na venda das refinarias como um dos pontos fortes desta administração. Luna também conta com o apoio de outros executivos de cargos diferenciados que apoiam a estratégia da eficiência, bem como o desenvolvimento das atividades principais.

Porque a Petrobras é considerada a joia brasileira?

Dentre os quesitos elencados pelo banco e que tornam a Petrobras tão relevante, o relatório destacou a performance operacional robusta, a forte geração de caixa e os múltiplos negociados a 3,2 vezes o Ebitda.

“Os principais pilares estratégicos da administração anterior voltados ao investidor permanecem em vigor” – comentaram os analistas no relatório.

O posicionamento como forte pagador de dividendos continua aumentando a atratividade da empresa, à medida em que sua dívida bruta recua ao patamar de US$60 bilhões.

Acima de tudo, o J.P. Morgan acredita que mesmo diante de uma situação desafiadora no mercado de petróleo, a companhia apresenta um potencial de valorização de 19% na ação até 2023.

Guia de A a Z sobre como se tornar um trader

Tendo como base de comparação os demais concorrentes externos, os preços dos papéis estão muito descontados, o que tende a despertar a atenção dos investidores. Com a retomado do crescimento global, as projeções internacionais indicam que haverá um salto na demanda por petróleo.

Neste novo cenário, a Petrobras será altamente beneficiada, uma vez trabalha com um custo de produção muito baixo. Atualmente, o preço do barril Brent é US$68,72.

Quer ficar informado de todas as novidades do mercado financeiro? Então participe do Canal do Fast Trade no Telegram acessando o link: https://t.me/plataformafasttrade

J.P. Morgan eleva o preço-alvo da Petrobras para R$35,50 em 2021

Leia também:

Destaques da B3: Ecorodovias (ECOR3), Camil (CAML3) e Itaúsa (ITSA3)

Governo central reporta superávit primário de R$16,5 bilhões em abril

Ministro da Economia fala em reforma tributária ampla, prática e rápida


Sobre o autor