Empresas

Itaúsa atinge lucro líquido de R$ 12,2 bilhões em 2021; alta de 73% sobre 2020

Por Fast Trade
15 fevereiro 2022 - 05:30 | Atualizado em 15 fevereiro 2022 - 08:30
ITSA4-proventos-dividendos-jcp

A Itaúsa (ITSA3/ITSA4) atingiu lucro líquido de R$ 4,11 bilhões no quarto trimestre de 2021, cifra 12% maior do que a registrada no mesmo período em 2020. A companhia é uma holding de investimentos que tem no portfólio grandes companhias como Itaú Unibanco (ITUB3/ITUB4), Dexco (DXCO3) e Alpargatas (ALPA3/ALPA4), por exemplo.

No consolidado do ano, o lucro líquido foi de R$ 12,2 bilhões, avanço de 73% na comparação anual. De acordo com a companhia, a holding teve “resultados recordes, sólidos e consistentes, fruto do melhor desempenho de todos os negócios do portfólio.”

+ Índice e Mini Índice: Desvendando os contratos futuros

O retorno sobre o patrimônio líquido médio atingiu 25,6% no quarto trimestre do ano passado, recuo de 0,6 pontos percentuais na relação anual. Contudo, no ano, o indicador marcou 20,1%, o que representa alta de 7,1 pontos ante 2020.

Resultados recorrentes e despesas financeiras

Entre as companhias no portfólio da Itaúsa, o Itaú Unibanco teve destaque com resultado recorrente de R$ 2,7 bilhões, avanço de 9% em 12 meses. Em seguida veio a NTS (Nova Transportadora do Sudeste) com resultado recorrente de R$ 608 milhões, alta de 58% em relação ao mesmo período no ano anterior.

A Alpargatas, todavia, foi o destaque negativo, com variação negativa de 25% no resultado recorrente do quarto trimestre. As cifras passaram de R$ 60 milhões no período em 2020 para R$ 45 milhões em 2021.

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader

No resultado anual, o resultado recorrente da Dexco teve crescimento de 125% sobre 2020, de R$ 193 milhões para R$ 434 milhões. O setor financeiro foi o maior gerador de resultado, avançando em 2021 50% na comparação anual, de R$ 7,0 bilhões para R$ 10,5 bilhões.

Por fim, entre os destaques negativos não recorrentes, é preciso considerar as despesas financeiras de R$ 101 milhões no trimestre e de R$ 209 milhões no consolidado anual. Fato que “decorreu, principalmente, das novas debêntures emitidas para financiar as aquisições de participação acionária na Copa Energia e na Aegea Saneamento, além de maiores despesas com juros”, afirmou a companhia no relatório.

Quer ficar informado de todas as novidades sobre o mercado financeiro? Então assine a Fast Break e receba as notícias mais relevantes do momento!

Itaúsa atinge lucro líquido de R$ 12,2 bilhões em 2021; alta de 73% sobre 2020

Leia também:

Dólar cai a R$ 5,21 com juros do Brasil atraindo novos fluxos de recursos


Sobre o autor