Economia

IPC-S desacelera na terceira quadrissemana de janeiro

Por Fast Trade
25 janeiro 2021 - 13:40 | Atualizado em 26 janeiro 2021 - 08:26
Inflação medida pelo IPC-S fecha junho com queda de 0,02%, aponta FGV

O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) variou 0,42% na terceira quadrissemana de janeiro, 0,10 percentual abaixo da última apuração. Assim sendo, o indicador acumula alta de 0,42% em 2021 e 5,00% nos últimos 12 meses.

+ Calendário do Trader 2021: Fique por dentro dos vencimentos futuros (Índice e Dólar) e feriados que influenciam o dia a dia e o decorrer das negociações realizados na B3

Medido pela FGV, o índice calcula a variação de preços de produtos e serviços em sete capitais do país. De acordo com a fundação, cinco das oito classes de despesa componentes do índice anotaram decréscimo em suas respectivas taxas de variação.

Nesse sentido, o grupo Habitação foi o responsável pela maior contribuição (0,74% para 0,23%).

Assim também, os seguintes grupos registraram decréscimo: Vestuário (0,87% para 0,80%), Saúde e Cuidados Pessoais (0,55% para 0,49%).

Conforme mostra o press release da FGV, o grupo de Comunicação (0,02% para -0,05%) e Despesas Diversas (0,33% para 0,32%) também recuaram.

Em contrapartida, houve grupos que cresceram na mesma base de comparação, como o de Educação, Leitura e Recreação (-2,15% para -1,13%).

Além disso, o grupo de Transportes (0,61% para 0,73%) e Alimentação (1,50% para 1,57%) também avançaram.

Por fim, a FGV informou que a próxima apuração do IPC-S, contemplando os dados coletados até o dia 31/01/2021, será divulgada no dia 01/02/2021.

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader: baixe gratuitamente!

Quer ficar informado de todas as novidades sobre as técnicas e estratégias aplicadas ao day trade? Então participe gratuitamente do Canal do Fast Trade no Telegram através do link: https://t.me/plataformafasttrade.

Antes de mais nada, leia também:


Sobre o autor