EconomiaHome

Impérios de tecnologia perdem US$ 131 bilhões em valor de mercado na Bolsa de Nova Iorque

Por Eloiza Amaral
04 junho 2019 - 11:53
Lançamento de Amazon Prime no Brasil quebra valor das varejistas brasileiras

Na última segunda feira (3), as principais empresas de tecnologia do mundo, Facebook, Google, Apple e Amazon perderam juntas na Bolsa de Nova Iorque US$ 131 bilhões em valor de mercado.

O fato ocorreu após as companhias serem ameaças pelo Congresso, pelo Departamento de Justiça e pela Comissão Federal do Comércio dos EUA de fazerem investigação desleal.

Tanto o Google quanto o Facebook se desvalorizaram em mais de 6%, enquanto a Amazon teve queda de 4,5% e a Apple, de 1%.

No final de semana, a imprensa americana começou a noticiar que a Comissão Federal do Comércio (FTC) e o Departamento de Justiça dos EUA (DoJ) fecharam um pacto para iniciar inquéritos sobre as empresas, seguidos por um comitê de investigação formado por deputados dos partidos Democrata e Republicano.

Segundo o Wall Street Journal e a agência de notícias Reuters, o Departamento de Justiça e a Comissão Federal do Comércio vão dividir as investigações – a primeira vai fiscalizar Google e Apple, enquanto a FTC ficará com a Amazon e o Facebook, que já está sendo investigado pelo caso Cambridge Analytica.

Caso as investigações se concretizem, este seria um grande golpe para a economia americana. O setor de tecnologia é um dos que mais tem crescido no país, apesar de as vezes não ser visto com bons olhos por ter empresas com muito poder acumulado que podem causar danos aos usuários ou à competição nos mercados.

Além disso, um acontecimento deste porte reforça a opinião do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que é um grande crítico das empresas de tecnologia. Segundo Trump, as redes sociais e o Google oprimem o discurso conservador em suas plataformas. O republicano também costuma dizer que a Amazon “obtem vantagens injustas” do correio americano e não dá detalhes sobre o assunto.


Sobre o autor