Mercados

Ibram: Chuvas não devem afetar os preços do minério; siderúrgicas avançam

Por Fast Trade
10 janeiro 2022 - 16:54 | Atualizado em 10 janeiro 2022 - 19:49
minério de ferro

O Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram) avaliou que as chuvas em Minas Gerais não devem afetar os preços do minério de ferro. O instituto também acredita que a interrupção nas atividades de algumas barragens não trará impactos negativos à oferta da commodity.

“Se esta intensidade de chuvas perdurar por um curto período, o Ibram estima que não haverá reflexos na variação do preço dos minérios e na oferta” – disse a entidade através de uma nota.

+ Índice e Mini Índice: Desvendando os contratos futuros

Algumas regiões de maior risco precisaram suspender as atividades de mineração, contudo, a decisão pode ser revertida a qualquer momento. Isto porque, dependendo do volume de chuva nos próximos dias, as operações voltarão ao normal após a adoção das medidas.

Nesse sentido, as companhias Usiminas, Vale e CSN divulgaram a interrupção em temporária em diversas operações que estão em andamento no estado.

Posição das siderúrgicas

A Vale informou a paralisação da circulação de trens na Estrada de Ferro que vai de Vitória a Minas e a produção nos sistemas Sul e Sudeste. Ao mesmo tempo, a CSN suspendeu as atividades na mina Casa de Pedra, localizada em Congonhas.

Já a Usiminas decidiu interromper sua operação localizada em Itatiaiuçu, mas, ressaltou que utilizará seus estoques próprios para dar continuidade no fornecimento de minério de ferro.

Em contrapartida, o caso mais grave é o da Mina de Pau Branco localizada em Nova Lima e que pertence à empresa Vallourec. A suspensão das atividades ocorreu por exigência do Tribunal de Justiça do Estado, após a barragem transbordar e a ameaçar romper parte da estrutura.

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader

De acordo com o Ibram, “todas as estruturas que compõem as empresas – como barragens de rejeitos – estão sendo monitoradas 24 horas ao dia e a qualquer sinal de anormalidade, as autoridades são imediatamente comunicadas e medidas de emergência, como alertas, são tomadas”.

Com este otimismo, as ações das companhias siderúrgicas avançavam na B3. Às 16h50 (horário de Brasília), a Usiminas (USIM5) subia 3,61% e a CSN (CSNA3) 2,53%. A exceção era a Vale (VALE3) que recuava 1,61%.

Quer ficar informado de todas as novidades do mercado financeiro? Então participe do Canal do Fast Trade no Telegram através do link: https://t.me/plataformafasttrade

Ibram: Chuvas não devem afetar os preços do minério; siderúrgicas avançam

Leia também:

Crédito Rural: contratações avançaram 30% até a metade da safra 2021/22

Bofa recomenda as ações da Weg apostando na expansão do uso de energia solar

Padis: Bolsonaro sanciona Lei que prorroga benefício até 2026


Sobre o autor