AçõesHome

Ibovespa sobe com cenário externo tranquilo e expectativa pela reforma da previdência

Por Fast Trade
30 outubro 2018 - 11:53
A divulgação dos resultados trimestrais da companhias promete agitar o mercado local

Após o presidente eleito, Jair Bolsonaro, anunciar sua pretensão em aprovar pelo menos parte da reforma da previdência ainda este ano, o mercado reagiu positivamente reforçando o clima de confiança na nova gestão. Às 11h37 (horário de Brasília), o Ibovespa operava em forte alta de 1,67%, a 85.196 pontos, tentando equilibrar as perdas do pregão anterior. Em sentido contrário, o dólar comercial registrava queda de 0,08%, sendo cotado a R$3,70, distanciando da apuração mínima do dia, que foi de R$3,68.

No mesmo horário, as estatais apresentavam forte valorização. As ações da Petrobras (PETR3 e PETR4) aumentavam 1,87% e 2,16% respectivamente, da Eletrobras (ELET6) subiam 2,99%, da Vale (VALE3) avançavam 0,77% e do Banco do Brasil (BBAS3) tinham alta de 1,03%. Os juros futuros registravam forte queda. A DI com vencimento para junho de 2020 tinha redução de 1,66%, sendo negociada a 7,70%, a DI para junho de 2021 diminuía 1,85%, sendo comercializada a 8,51% e a DI para junho de 2022 apresentava queda de 1,95%, sendo vendida a 9,06%.

Petrobras

A Petrobras novamente reduziu o preço da gasolina nas refinarias, repassando uma variação negativa de 6,2% do valor cobrado. Assim, o preço do litro que estava a R$1,98 passa a ser R$1,86, já sendo aplicado esse reajuste entre hoje e amanhã. Na mesma linha, o diesel teve seu preço reduzido em 10,1% em relação ao preço médio vigente, passando a ser vendido por R$2,12 o litro. Conforme o programa de subvenção acordado com o governo, esse novo valor entra em vigência no período de 30 de outubro a 28 de novembro.

Internacional

Os mercados de ações asiáticos encerraram o pregão desta terça, majoritariamente com saldo positivo. O índice Nikkei 225 de Tóquio teve em alta de 1,45%, o Xangai Composto aumentou 1,02% e o Kospi do Seul subiu 0,93%. Contudo, o Hang Seng de Hong Kong, sofreu queda de 0,91%. O clima geral ainda é de grande atenção à guerra comercial entre EUA e China, principalmente diante dos novos indícios de retaliação dos americanos aos produtos chineses importados.

Leia mais:

Ibovespa fecha em queda mas mostra forte potencial de recuperação

Banco Itaú (ITUB4) – resultado do terceiro trimestre de 2018


Sobre o autor