Ações

Ibovespa recua com efeitos econômicos provocados pela pandemia

Por Fast Trade
30 abril 2021 - 13:00 | Atualizado em 30 abril 2021 - 16:23
Como o avanço do coronavírus influencia na bolsa de valores?

Os temores relacionados com a pandemia seguem pressionando os principais índices globais, como o Ibovespa. Às 12h54, o  mais importante indicador do desempenho médio das cotações das ações negociadas na B3 recuava 0,38%, aos 119.610,51 pontos.

+ Ebook Análise técnica de ações e futuros

Os investidores repercutem neste último pregão da semana e de abril os desdobramentos econômicos globais possíveis da escalada da Covid-19 na Índia. Além disso, a agenda econômica na Europa revelou novos efeitos da pandemia, uma vez que várias economias locais registraram queda do PIB no 1T21.

Já no mercado doméstico, o número de desempregados foi estimado em 14,4 milhões no trimestre findo em fevereiro. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), este é o maior número desde 2012, início da série histórica da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua.

O montante representa uma alta de 2,9% frente ao número de pessoas desocupadas no 4T20. Em contrapartida, o IBGE destacou que a taxa de desocupação ficou estável em 14,4% em relação ao trimestre imediatamente anterior (14,1%).

Por outro lado, o indicador cresceu 2,7 pontos percentuais ante o 1T20 (11,6%), quando a pandemia ainda não havia impactado tanto o país.

No âmbito político, a CPI da Covid-19 segue no radar. O senador e relator da comissão, Renan Calheiros (MDB-AL), apresentou ontem o plano de trabalho do colegiado.

Segundo ele, os requerimentos aprovados no colegiado que vão dar os rumos às investigações. O documento prevê que os senadores vão apurar “se as autoridades de saúde agiram ou não de maneira imprudente ou sem a devida técnica, se foram ou não omissas, se deixaram ou não de efetuar planos de contingência ou se agiram ou não com a antecedência necessária, de forma planejada e integrada”.

Destaques corporativos do Ibovespa

Após reportar números fortes referentes ao primeiro trimestre de 2021, as ações do Grupo Fleury (FLRY3) avançavam 0,51% às 12h49.

+ Dólar e Mini dólar – Desvendando este mercado

Assim também, os papéis da Lojas Renner (LREN3) subiam 1,15%. Vale destacar que a Companhia concluiu recentemente uma oferta primária restrita de 102 milhões de ações, a R$ 39,00 cada. Como resultado, foram movimentados R$ 3,978 bilhões.

Na outra ponta, a CSN (CSNA3) recuava 1,93%, assim como a Vale (VALE3, -1,10%). Os papéis da Gerdau (GGBR4) e a Metalurgica Gerdau (GOAU4) também caem 2,94% e 2,62%, respectivamente.

Antes de mais nada, leia também:

Dólar sobe firme e real lidera ranking dos piores desempenhos nesta parcial de 6ª

Receita Bruta do Grupo Fleury atingiu o segundo maior nível histórico no 1º trimestre

INDFUT: Ibovespa futuro cai com exterior fraco antes de leilão e PCE

Proventos da Cielo (CIEL3), Cia. Hering (HGTX3) e Taesa (TAEE11)

B2W Digital dispara após notícia de fusão com a Lojas Americanas

Índice de Confiança do Comércio disparou 11,6 pontos em abril


Sobre o autor