Ações

Ibovespa desvia de Wall Street e fecha quase estável após demissões na Economia

Por Fast Trade
12 agosto 2020 - 19:05 | Atualizado em 13 agosto 2020 - 06:59

O Ibovespa fechou quase estável nesta quarta-feira (12), desviando do bom humor de Wall Street, em repercussão às demissões no ministério da Economia.

Embora o ministro Paulo Guedes tenha afirmado sua intenção de permanecer no governo, o pedido de demissão dos secretários Salim Mattar (Desestatização) e Paulo Uebel (Desburocratização) acentuou as incertezas sobre a implementação da pauta voltada ao ajuste fiscal.

Para esclarecer, os dois nomes eram importantes balizadores da confiança do mercado no governo para realizar as transformações necessárias na estrutura governamental.

Baixe agora: Guia de A a Z de como se tornar um trader!

Após o anúncio oficial sobre a saída dos secretários, Guedes explicou que Mattar estava insatisfeito com o ritmo da agenda de privatizações e que Uebel reclamava muito da lentidão da reforma administrativa.

Da mesma forma, o ministro esclareceu que ambos estavam frustrados com a paralisação geral dos projetos em função da pandemia.

Na véspera, Guedes e Rodrigo Maia saíram em defesa do teto de gastos, reafirmando o compromisso do executivo e do legislativo com o equilíbrio das contas públicas.

Baixe agora: O que ninguém conta sobre os investimentos em ações

Inclusive, o ministro reiterou que vai brigar com qualquer um que proponha a realização de despesas que ultrapassem o teto de gastos, pois, o foco de sua gestão é a responsabilidade fiscal.

Na B3, as companhias Marfrig (MRFG3), JBS (JBSS3), Klabin (KLBN11), Vale (VALE3), Usiminas (USIM5) registraram as máximas dia.

Já as empresas Hering (HGTX3), BR Malls (BRML3), Gol (GOLL4), Sulamérica (SULA11), IRB Brasil (IRBR3) contabilizaram as maiores perdas.

Como resultado, a Bolsa brasileira caiu 0,06% aos 102.117 pontos, com um volume financeiro de R$23,553 bilhões.

Impasse entre Republicanos e Democratas no Congresso dos EUA

No exterior, o clima é de otimismo com o quarto dia de negociações no Congresso americano, visando alcançar um consenso sobre o pacote de estímulos no valor de US$1 trilhão.

Ao que parece, Republicanos e Democratas estão debatendo uma proposta única, que deve ser formatada até o final desta semana.

Segundo a presidente da Câmara dos Deputados dos EUA, Nancy Pelosi, os parlamentares terão que superar o abismo que existe entre oposição e governo a respeito do pacote.

Antes disso, o Secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, voltou a propor que o pacote seja votado fatiado, priorizando as medidas em que há um consenso.

Nas Bolsas de Nova York, o Dow Jones subiu 1,05%, o S&P 500 avançou 1,4% e o Nasdaq Composto saltou 2,13%.

Quer ficar informado de tudo o que acontece no mercado financeiro? Então participe gratuitamente do Canal do Fast Trade no Telegram através do link: https://t.me/plataformafasttrade

Ibovespa desvia de Wall Street e fecha quase estável após demissões na Economia

Leia também:

Dólar sobe a R$5,45 refletindo os receios sobre o quadro fiscal

Petróleo sobe mais de 2% impulsionado pelo declínio nos estoques dos EUA

XP Inc. prepara a listagem de seus BDRs na B3


Sobre o autor