Ações

Ibovespa avança aos 109 mil e atinge o maior nível desde outubro; NY declina

Por Fast Trade
20 janeiro 2022 - 19:27 | Atualizado em 21 janeiro 2022 - 06:08
Créditos: shutterstock.com

O Ibovespa fechou em alta nesta quinta-feira (20), avançando aos 109 mil pontos, no maior nível desde outubro. Mesmo longe das máximas, o índice geral permaneceu em território positivo, desviando do tombo nas Bolsas de Nova York.

Nem mesmo os balanços corporativos mais fortes foram capazes de sustentar os ganhos no mercado acionário dos EUA, que continuou sob a pressão do aumento de juros pelo Federal Reserve. Em Wall Street, o Dow Jones caiu 0,89%, o S&P 500 recuou 1,10% e o Nasdaq Composto declinou 1,30%.

Mais cedo, a renda variável foi impulsionada pelo alívio nas Treasuries americanas. Isto porque, o número de pedidos de auxílio desemprego nos EUA subiu para 225 mil na semana passada, segundo informações do Departamento do Trabalho.

+ Derivativos: o guia definitivo para começar a investir

O indicador mostrou um crescimento de 55 mil novas solicitações na comparação semanal, o que, acima de tudo, evidenciou uma desaceleração na atividade econômica do país.

Ao mesmo tempo, ganhou destaque a notícia de que a China reduziu a sua taxa de juros de referência para empréstimos com vencimento em um ano em 0,1% e para os empréstimos com vencimento em cinco anos em 0,05%.

Diferente do movimento de aperto monetário do restante do mundo, o gigante asiático está adotando políticas de estímulos para impulsionar a sua economia. E apesar de ser uma medida contrária à tendência global, servirá como impulso para a demanda por minério de ferro e, consequentemente, por aço.

Contexto Brasileiro

Enquanto isso, no Brasil, o presidente Jair Bolsonaro deu a entender que não manterá o aumento salarial para os policiais, conforme estava previsto no orçamento. Devido à manifestação das demais categorias de servidores públicos, existe uma pressão para que o chefe do Planalto não conceda qualquer reajuste.

No mercado doméstico, houve uma entrada relevante de investidores estrangeiros e os investidores institucionais voltaram a fazer aportes. Acima de tudo, por ser o país com a pior performance global em ativos de risco, a tendência é que qualquer movimento de correção técnica seja acentuado, conforme a avaliação dos analistas.

Destaques Corporativos

Na B3, as ações das construtoras Direcional (DIRR3) e Tenda (TEND3) fecharam com ganhos após divulgarem os dados operacionais de 2021 consistentes.

Em contrapartida, as companhias siderúrgicas e mineradoras registraram perdas, mudando o viés na última hora de pregão, depois de oscilar positivamente quase todo o pregão. A Usiminas (USIM5) caiu 1,07% e a CSN Mineração (CMIN3) declinou 1,10%.

Top 5 máximas do índice: Banco Inter (BIDI11), CVC (CVCB3), Petz (PETZ3), Soma (SOMA3) e Localiza (RENT3).

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader

Top 5 mínimas do índice: Carrefour Brasil (CRFB3), Suzano (SUZB3), Gerdau Metalúrgica (GOAU4), Vale (VALE3) e 3R Petroleum (BEEF3).

Como resultado, o Ibovespa subiu 1,01% aos 109.101 pontos, com um volume financeiro negociado de R$ 23,974 bilhões.

Quer ficar informado de todas as novidades sobre o mercado financeiro? Então participe do Canal do Fast Trade no Telegram acessando o link: https://t.me/plataformafasttrade

Ibovespa avança aos 109 mil e atinge o maior nível desde outubro; NY declina

Leia também:

Dólar fecha a R$ 5,41 em novo pregão de queda ajudado pelo exterior

O ciclo de alta nos juros do Brasil pode estar perto do fim, diz Campos Neto

Bitcoin acompanha o mercado acionário e sobe recuperando a faixa de US$ 43 mil


Sobre o autor