HomePolítica

Guedes assina MP que transfere Coaf para o Banco Central, aponta jornal

Por Eloiza Amaral
19 agosto 2019 - 12:03

Segundo uma reportagem do jornal O Globo desta segunda feira (19), o ministro da Economia, Paulo Guedes assinou na última sexta feira (16), uma medida provisória que transfere o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) para o Banco Central.

A publicação aponta que a ação foi motivada pelo descontentamento do presidente Jair Bolsonaro com o chefe do Conselho, Roberto Leonel.

Isto significa que a responsabilidade de definir o novo presidente e os novos membros da diretoria do órgão, que deverá mudar de nome para Unidade de Inteligência Estratégica, ficará a cargo do presidente do BC, Roberto Campo Neto.

Roberto Leonel foi indicado para o cargo pelo ministro da Justiça, Sérgio Moro. O jornal afirma que o nome mais cotado para assumir a chefia do órgão é o do economista e servidor do BC Ricardo Liáo, atual diretor de Supervisão do banco.

O ministro Guedes garante que a alteração foi feita com cunho institucional, e não por pressão política.

Na verdade, o próprio Guedes já vinha pressionando para a saída de Leonel desde o começo do mês, quando o chefe do Coaf fez críticas públicas à liminar concedida pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, a pedido do senador Flávio Bolsonaro, para suspender o uso de dados financeiros por órgãos de controle, como o Coaf e a Receita Federal, sem autorização prévia.


Sobre o autor