EmpresasHome

Gestoras, Planner enxergam ponto de entrada na Ferbasa com novos planos

Por TradersClub
11 abril 2019 - 11:13

Mesmo em tempos de tamanha atenção sobre o setor de mineração que produz matéria-prima para a indústria siderúrgica, uma empresa costuma ficar distante dos holofotes na B3: a fabricante de ferroligas Ferbasa.

Manual do Imposto de Renda para Investidores

É assim a realidade de muitas companhias com valor de mercado baixo ou médio, conhecidas como small caps. Mas em vez de reclamar da vida, a empresa realizou reunião com analistas na terça-feira para detalhar projetos de aumento de produção e redução de custos.

Gestores da Trígono Capital, assim como o analista da Planner Corretora, Luiz Francisco Caetano, saíram otimistas da reunião. Para Caetano, o fraco desempenho da ação em 2019 abre um ponto de entrada no momento: a aquisição de ativo, possivelmente na Colômbia, para suprir matéria-prima para produção de ferro cromo, a compra de ativo para geração de energia em 2020 e a instalação de uma segunda máquina para dobrar produção de ferro silício de alta pureza – com maior valor agregado – até novembro ao custo de R$6 milhões – podem se tornar catalisadores de alta.

Baixe o E-book O Guia Completo de Como Ter Sucesso Nas Operações de Day Trade

Caetano também destaca a distribuição de dividendos trimestrais no ano passado, prevendo continuidade para este ano. “Esperamos que em 2019 sejam distribuídos 40% do lucro líquido – R$89 milhões, R$1 por ação -, o que permitirá um retorno de 4,8% para os acionistas, considerando a última cotação”, diz em relatório a clientes, no qual sugere um preço-alvo ao papel de R$28.

E-book: Guia completo e definitivo da Previdência Privada


Sobre o autor