Economia

Estatais podem gerar R$16,9 bi em dividendos aos cofres públicos em 2021

Por Fast Trade
01 julho 2021 - 06:48 | Atualizado em 01 julho 2021 - 08:56
Abertura de Futuros

O avanço nos resultados das companhias estatais pode gerar R$16,9 bilhões em dividendos aos cofres do Tesouro Nacional em 2021.

De janeiro a maio, o órgão recebeu R$13,968 bilhões em remuneração pelas participações nos capitais das empresas, o que representa o dobro dos recursos transferidos durante o ano de 2020.

Juntos, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o Banco do Brasil e a Caixa Econômica enviaram R$8 bilhões ao Tesouro, em maio.

+ Derivativos: o guia definitivo para começar a investir

Nesse sentido, o órgão governamental manteve as suas projeções de receita, apesar de os valores já recebidos estarem próximos da estimativa total. No entanto, os analistas do Tesouro consideram que a arrecadação pode superar o teto estabelecido, considerando que há muito tempo pela frente.

“A elevação na projeção de receita deste ano deveu-se, principalmente, ao lucro recorde do BNDES no ano de 2020, cujos dividendos foram pagos em maio deste ano, bem como à melhora das expectativas de resultados do BB e Petrobras para 2021” – explicou o Tesouro ao Valor.

Resultados que embasaram as estimativas do Tesouro

Vale lembrar que o lucro líquido ajustado do BB totalizou R$4,9 bilhões no primeiro trimestre, o que equivale a um aumento anual de 44,7%.

Ao mesmo tempo, a Petrobras encerrou o período de janeiro a março contabilizando um lucro líquido de R$1,17 bilhão, revertendo o prejuízo histórico de R$48,52 bilhões apurados no mesmo trimestre de 2020.

Acima de tudo, em relação ao BNDES e à Caixa, os pagamentos de dividendos deste ano já foram realizados, não havendo outros valores a receber. No primeiro trimestre, o BNDES contabilizou um lucro líquido de R$9,8 bilhões e a Caixa de R$4,6 bilhões.

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader

“Caso o lucro dessas instituições venha a superar as expectativas, isso será refletido na receita de dividendos somente no ano que vem” – explicou o Tesouro em nota.

Por fim, de janeiro a maio, o BNDES repassou R$4,949 bilhões ao Tesouro, a Caixa transferiu R$2,816 bilhões, a Petrobras enviou R$2,965 bilhões e o BB pagou R$1,427 bilhão.

Quer ficar informado de todas as novidades sobre o mercado financeiro? Então participe do Canal do Fast Trade no Telegram através do link: https://t.me/plataformafasttrade

Estatais podem gerar R$16,9 bi em dividendos aos cofres públicos em 2021

Leia também:

Queda do dólar pode ser maior com ingresso de recursos das exportações

Ibovespa fecha o semestre com valorização de 6,5% apoiado pela vacinação

Dólar avança a R$4,97, mas fecha o mês de junho com perdas de 4,81%


Sobre o autor