Ações

Equatorial divulga prévia operacional do 1º trimestre e analistas recomendam as ações

Por Fast Trade
25 abril 2022 - 16:16 | Atualizado em 25 abril 2022 - 18:00
Equatorial energia

A Equatorial Energia (EQTL3) anunciou os dados da prévia operacional do primeiro trimestre de 2022, registrando um crescimento de 3,5% de energia transmitidas tanto no mercado cativo quanto no livre. Contudo, o maior aumento foi registrado no mercado livre, pois o percentual de alta foi de 12,2% sobre igual período de 2021, o que corresponde a 1,4 milhão MW/h.

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader!

Analistas avaliam dados e opinam sobre a prévia da Equatorial

Na opinião do Credit Suisse, a Equatorial mostrou resultados robustos e isso será demonstrado pelos valores positivos. Isso porque o banco acredita que os volumes foram altos, enquanto as perdas se reduziram em diversos níveis, principalmente no agregado.

Além disso, o Credit Suisse afirmou que a empresa se beneficiará da contínua redução de custos, do controle de inadimplência e das revisões de tarifas. Sendo assim, a recomendação de “compra” para as ações EQTL3 se mantém, com o preço-alvo de R$ 33 e alta potencial de 31%.

Já na opinião da Ativa, o fato de a Equatorial reportar a venda de 8,6 milhões de MWh no 1T22 superou as projeções, pois indicou um aumento de 3,5% no indicador. Soma-se a isso, a avaliação de que o mercado cativo cresceu devido à chegada de clientes de baixa renda.

Com isso, a Ativa reiterou que a sua recomendação de compra para as ações da empresa, com o preço-alvo de R$ 31 e alta potencial de 23% em relação ao valor de fechamento da última sexta-feira.

+ Confira essas 5 dicas para melhorar a sua rotina Operacional!

Por fim, o BTG Pactual destacou que o crescimento de 6,5% nos volumes referentes à subsidiária da Equatorial que fica no Pará foi um ponto que demanda atenção. Isso porque o banco de investimentos concorda com a visão de que a alta de 3,5% para a prévia operacional já demonstra um resultado favorável. Por esse motivo, os analistas continuaram com a recomendação de compra para o ativo, com o preço-alvo de R$ 27 e alta potencial de 7,22%.

Quer ficar informado de todas as novidades sobre o mercado financeiro? Então participe gratuitamente do Canal do Fast Trade no Telegram!

 

Leia Mais:

Bolsa brasileira cai mais de 1% com commodities e situação da China no radar; dólar dispara


Sobre o autor