Dólar e índice

DOLFUT: Otimismo antecede Payroll e dólar cai abaixo de R$5,30; Campos Neto no radar

Por TradersClub
02 julho 2020 - 09:47 | Atualizado em 02 julho 2020 - 10:08
DOLFUT: Em dia de ata do Copom, dólar cai com exterior e à espera de falas de diretores do Fed

O dólar emenda o segundo pregão de queda nesta quinta-feira, véspera de feriado nos Estados Unidos, impulsionado pelo otimismo que antecede o Payroll.

Novamente, a esperança de uma vacina contra a Covid-19 move o bom humor, em dia de relativa calmaria na política local e feriado no Judiciário.

Nesse sentido, a agenda conta com o relatório do emprego americano, o Payroll, de junho, um dos indicadores ao qual o câmbio mais se atenta – o mercado antecipa que será positivo.

Desse modo, o rublo russo lidera ganhos entre as moedas emergentes após o presidente Vladimir Putin ganhar endosso na tentativa de estender seu governo até 2036.

Por volta das 11h30, o Banco Central faz leilões de rolagem de até 12 mil contratos de swap cambial.

Da mesma forma, às 15h00, o presidente do BC, Roberto Campos Neto participa do evento virtual “Correio Talks” e, às 17h00, tem videoconferência com representantes da Associação Brasileira de Private Equity e Venture Capital.

Assim, perto das 09h05, o dólar futuro era negociado a R$5,289, queda de 0,67%%.

Enquanto isso, o Índice Dólar,o DXY, que mede o desempenho da divisa americana ante uma cesta de moedas fortes, cai 0,28%, ao menos nível de um mês atrás.

Otimismo antecede Payroll e dólar cai abaixo de R$5,30; Campos Neto no radar

Fique por dentro das últimas novidades do mercado financeiro:

Consumo de energia cresce 2% em junho e indica retomada econômica

Projeção de superávit comercial sobe para US$ 55,4 bi, apoiado no desempenho agropecuário

PEC que adia as eleições municipais para novembro será promulgada nesta quinta-feira


Sobre o autor