Dólar e índice

DOLFUT: Dólar cai com melhora externa, Reforma Tributária à espera de Funchal

Por TradersClub
17 julho 2020 - 09:38 | Atualizado em 17 julho 2020 - 10:08

O dólar iniciou entre leves altas e quedas, mas firmou uma perda modesta, após uma melhora externa, seguida de uma fraqueza da moeda no exterior.

Desse modo, o mercado melhora o humor de olho em mais estímulos, em dia de início da reunião da União Europeia para debater o pacote de socorro de 750 bilhões de euros.

As declarações do ministro da Economia, Paulo Guedes, de que vai encaminhar o texto do governo da Reforma Tributária na próxima terça, de que só sai do governo “removido à força” e de que cogita a hipótese de venda de reservas são motivo de ânimo para investidores.

Nesse sentido, a agenda está fraca, mas tem o novo secretário do Tesouro, Bruno Funchal, às 14h30, na Expert XP.

Ontem, o substituto de Mansueto Almeida disse que mudar o teto de gastos destrói empregos.

Perto das 09h15, o dólar futuro cedia 0,11%, a R$5,327, tendo chegado aos R$5,34 na abertura, sinalizando que hoje deve ser mais um dia de forte volatilidade para o câmbio.

O Dólar Índice, DXY, que mede o desempenho da moeda americana ante uma cesta de moedas fortes, perdia 0,33%. 

Dólar cai com melhora externa, Reforma Tributária à espera de Funchal

Fique por dentro das últimas notícias do mercado financeiro:

Mercados internacionais ensaiam recuperação

Recompra de ações, IPO, prévia de resultados e mais

Governo entregará reforma tributária na terça-feira


Sobre o autor