Dólar e CâmbioHome

Dólar salta com aversão ao risco e fecha cotado a R$4,20

Por Pablo Vinicius Souza
27 janeiro 2020 - 19:40
maior fechamento desde maio

O dólar comercial avançou 0,60% nesta segunda-feira (27), fechando na cotação de R$4,2090 na venda, depois de ter alcançado a máxima em R$4,2313.

Frente ao aumento dos casos de disseminação do coronavírus no mundo, os investidores procuraram ativos mais seguros líquidos, fortalecendo a demanda pela divisa americana.

Ao todo, já são mais de 10 países atingidos, pelo menos 81 pessoas mortas pela doença e mais de 2.800 pessoas infectadas até o momento.

Mais cedo, a Organização Mundial da Saúde (OMS) alterou a sua avaliação sobre o surto do vírus, considerando-o como de elevado risco para o nível internacional.

Até o momento, não é possível prever as consequências da doença na China, que é o centro da epidemia, e nos demais países atingidos ou que mantém relações comerciais com o país asiático.

As moedas emergentes depreciaram em bloco contra o dólar e algumas divisas mais fortes, como o iene e o franco suíço, conseguiram se valorizar.

Mesmo com as atenções voltadas ao exterior, a forte queda do real também foi influenciada pelo déficit de US$50,762 bilhões nas transações correntes de 2019, o que equivale a 2,76% do PIB.

Com a retomada do crescimento projetada para este ano, a expectativa é que aumente o ingresso de fluxos de capital estrangeiro no câmbio local, sobretudo, com as privatizações.

Juros Futuros

Na renda fixa, os contratos de juros futuros encerraram nas mínimas históricas refletindo as projeções de inflação, que projetaram leve desaceleração em 2020.

Segundo a pesquisa Focus do Banco Central, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) recuou de 0,37% para 0,32% na semana passada, corroborando com a visão de que haverá um novo corte de 0,25% na taxa Selic.

O DI outubro/2020 caiu para 4,22% (4,24% no ajuste anterior), o DI janeiro/2023 declinou para 5,50% (5,56% no ajuste anterior) e o DI janeiro/2027 subiu para 6,69% (6,68% no ajuste anterior).


Sobre o autor