Dólar e índiceHome

Dólar salta a R$4,53 refletindo política monetária e PIB

Por Fast Trade
04 março 2020 - 12:48

O dólar comercial operava em alta nesta quarta-feira (04), renovando o recorde intradiário ao alcançar a cotação de R$4,5380 na venda.

As perspectivas de que o Banco Central realizará novos cortes na taxa Selic mantém o real em trajetória de firme queda.

Isso porque, a queda do diferencial de juros entre o Brasil e os Estados Unidos tende a retirar a atratividade da moeda brasileira, levando os investidores a alocar recursos em ativos mais rentáveis.

Além disso, o desempenho do câmbio local refletia o crescimento de apenas 1,1% do Produto Interno Bruto (PIB) de 2019, que evidenciou um ritmo mais lento de recuperação econômica.

O mercado não recebeu os números positivamente, pois a formação bruta de capital fixo recuou 3,3% no último trimestre, indicando que os investimentos declinaram acima do esperado.

Apesar dos estímulos anunciados pelos Bancos Centrais ao redor do mundo, a divisa brasileira seguia na contramão dos seus pares e reagia intensamente ao cenário interno.

Ás 12h40 (horário de Brasília), o dólar comercial subia 0,55% contra o real, sendo cotado a R$4,5360 na venda.

Juros Futuros

Na renda fixa, os contratos de juros futuros apresentavam expressiva queda em todos os períodos, precificando a continuidade da política de flexibilização monetária no mercado interno.

O DI janeiro/2021 caía 4,26% sendo negociado a 3,71% (3,84% no ajuste anterior) e o DI janeiro/2026 recuava 2,27% sendo vendido a 6,03% (6,14% no ajuste anterior).


Sobre o autor