Dólar e Câmbio

Dólar recua contra o real, mas opera próximo da estabilidade

Por Fast Trade
26 maio 2021 - 12:00 | Atualizado em 26 maio 2021 - 13:15
maior fechamento desde maio

O dólar comercial opera em queda contra o real, acompanhando a tendência negativa ante outras divisas emergentes e ligadas a commodities.

Nos Estados Unidos, os investidores monitoram avanço nas negociações sobre novo pacote de apoio ao setor de infraestrutura.

+ Assine nossa newsletter semanal e receba as movimentações da semana!

Nesse sentido, os senadores republicanos preparam uma oferta de quase US$ 1 trilhão para apresentar à Casa Branca. Se aprovado, será um aumento substancial de seu plano original de US$ 568 bilhões.

Por aqui, o mercado aguarda a revisão do Plano Anual de Financiamento (PAF) pelo Tesouro Nacional, previsto para às 14h30. Além disso, segue no radar as discussões sobre uma potencial extensão do pagamento do auxílio emergencial.

Os investidores ainda aguardam os números do Caged de abril, que serão comentados em entrevista do ministro da Economia, Paulo Guedes.

Ainda no âmbito econômico, o Banco Central informou que o Brasil registrou a entrada de US$ 3,5 bilhões em investimentos diretos (IDP) em abril. Às 11h58, a divisa norte-americana recuava 0,53% e era negociada a R$ 5,309 na venda.

Taxas de juros recuam em sintonia com dólar

A taxa do contrato de depósito interfinanceiro (DI) para janeiro de 2027 marcava 8,65% às 11h46, indicando uma queda de 1,14% na comparação com o ajuste anterior (8,75%).

Assim também, o DI para janeiro de 2023 recuava para 6,605% (-1,56%), ante o fechamento anterior de 6,71%.

Por sua vez, a taxa referente a janeiro de 2022 estava em 4,975% na parcial (-0,6%), de 5,005% apurado no fechamento anterior.

Antes de mais nada, leia também:

Ibovespa futuro sobe com exterior de olho em Caged

B3: dívida de companhias abertas chega a R$ 1,21 tri

Como o mercado se posiciona para a abertura desta quarta-feira, 26 de maio


Sobre o autor