Dólar e índice

Dólar recua com cenário externo, vacinas e Orçamento no radar

Por Fast Trade
08 abril 2021 - 12:00 | Atualizado em 08 abril 2021 - 13:12
Double exposure of stock market in tablet with money and chart.

O dólar inaugurou os negócios nesta quinta-feira (08) em baixa (-0,64%), a R$ 5,605 na compra e a R$ 5,607 na venda. Desde então, a divisa norte-americana manteve a oscilação, mas segue operando em terreno negativo.

+ Derivativos: o guia definitivo para começar a investir 

A parcial do dia é marcada principalmente pelo otimismo global, assim como pela busca por ativos de risco. Vale destacar que na véspera (7), o Federal Reserve (BC dos Estados Unidos) reiterou as expectativas de manutenção de farta liquidez.

Nesse sentido, as autoridades do Fed indicaram estar cautelosas sobre a continuidade dos riscos da pandemia de covid-19. Assim sendo, o comprometimento é por um suporte da política monetária até que a recuperação esteja mais assegurada.

Esse movimento beneficia países emergentes como o Brasil. Assim sendo, o real volta a registrar uma melhor performance na sessão. Às 11h56, o dólar recuava 0,95% e era negociado a R$ 5,590 na venda e a R$ 5,589 na compra.

No mercado doméstico, o cenário gira em torno do jantar ocorrido em São Paulo, que contou com a presença do presidente Jair Bolsonaro. Também estiveram presentes o ministro da Economia, Paulo Guedes, e empresários.

As informações são de que Bolsonaro prometeu respeitar o teto de gastos e a responsabilidade fiscal. O Orçamento de 2021 deve ser vetado ou sancionado até o dia 22 de abril.

+ Guia completo para obter sucesso nas operações de Day Trade

Guedes, por sua vez, declarou que a economia brasileira está se reerguendo, mas reforçou que é preciso avançar na vacinação em massa. A síntese do jantar foi, segundo o ministro na saída do evento, a vacinação em massa e avanço nas reformas estruturais.

Juros longos acompanham o dólar

Assim como o dólar, os juros futuros abriram em baixa no pregão desta quinta-feira. Às 11h45, a taxa do contrato de depósito interfinanceiro (DI) para janeiro de 2027 recuava para 8,90%, ante 8,91% do fechamento anterior.

Assim também, o DI para janeiro de 2023 estava em 6,62%, de 6,635%, ao passo que o vencimento para janeiro de 2022 marcava 4,72%, de 4,70% do fechamento de ontem.

Antes de mais nada, leia também:

BC aprova aumento do capital social do Bradesco no valor de R$ 4 bilhões

Governo federal leiloa 22 aeroportos e arrecada R$ 3,3 bilhões

Ibovespa tem leve alta em meio à ata do FOMC e temores sobre a Petrobras

Transformação digital será um fator decisivo para seguradoras – avalia Fitch

Gol reporta taxa de ocupação dos voos em 71,8% e mais resultados prévios de março

Vale dispara 6% com anúncio de recompra de ações e otimismo com minério


Sobre o autor