Dólar e índice

Dólar oscila, mas fecha a R$ 5,50 após leilão de swaps do Banco Central

Por Fast Trade
13 outubro 2021 - 18:40 | Atualizado em 13 outubro 2021 - 19:28
Dólar (DOLFUT): Em dia de ata do Copom, dólar cai com exterior e à espera de falas de diretores do Fed

O dólar comercial fechou em queda de 0,51% nesta quarta-feira (13), na cotação de R$ 5,5090 na venda, refletindo o leilão de swaps do Banco Central. Em mais uma intervenção não programada, a instituição injetou o equivalente a US$ 1 bilhão no mercado futuro.

Isto porque, ao contrário do movimento que acontecia nos demais mercados emergentes, a divisa americana se fortalecia contra o real, alcançando a máxima em R$ 5,5720.

+ Derivativos: o guia definitivo para começar a investir

Após o anúncio do leilão surpresa, o câmbio mudou de direção e a moeda dos EUA chegou a renovar o menor nível deste pregão no patamar de R$ 5,4990.

Desse modo, o BC ofertou 20 mil contratos de swap cambial tradicional, em um volume 2 vezes maior do que o disponibilizado na última vez. E a quantidade foi absorvida integralmente, tendo em vista o descolamento da moeda brasileira em relação ao comportamento do dólar no mercado internacional.

Juros futuros declinam em linha com as Treasuries

Os contratos de juros futuros encerraram com redução nas taxas ao longo da curva, acompanhando a dinâmica das Treasuries de longo prazo. Apesar de a inflação nos EUA ter superado as estimativas dos especialistas, as medidas de núcleo vieram abaixo do previsto.

Como resultado, os dados influenciaram as perspectivas, impactando os rendimentos dos títulos do Tesouro americano, assim como os DIs negociados na B3.

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader

Além disso, a ata da última reunião do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc) também contribuiu com o movimento de alívio ao confirmar que a redução dos estímulos acontecerá a partir de novembro.

O DI janeiro/2022 subiu a 7,30% (7,29% no ajuste anterior), o DI abril/2023 recuou para 9,24% (9,25% no ajuste anterior) e o DI janeiro/2025 declinou a 10,01% (10,07% no ajuste anterior).

Quer ficar informado de todas as novidades sobre o mercado financeiro? Então participe do Canal do Fast Trade no Telegram acessando o link: https://t.me/plataformafasttrade

Dólar oscila, mas fecha a R$ 5,50 após leilão de swaps do Banco Central

Leia também:

Analistas recomendam cautela com as ações da Ambev, apesar do cenário positivo

Ata do Fomc mostrou que a redução dos estímulos irá até meados de 2022

Adição de 1% na Selic será suficiente para trazer a inflação à meta, diz Kanczuk


Sobre o autor