Dólar e índice

Dólar fecha estável cotado a R$5,17 em dia volátil e de forte cautela no exterior

Por Fast Trade
13 julho 2021 - 18:19 | Atualizado em 13 julho 2021 - 18:52
fraca liquidez

O dólar comercial fechou em leve alta de 0,14% nesta terça-feira (13), na cotação de R$5,1780 na venda, fazendo uma sessão volátil e de forte cautela no exterior.

Em meio a múltiplos catalisadores, a divisa americana oscilou, mas ficou longe das máximas registradas após a divulgação da inflação nos EUA.

Nesse sentido, o Índice de Preços ao Consumidor (CPI) subiu 5,4% em junho, ligeiramente acima do consenso do mercado e registrando o maior salto desde 2008. Este fato azedou os ânimos, fazendo o dólar bater em R$5,2210 no momento de maior demanda no câmbio local.

+ Guia completo sobre LCI e LCA

No entanto, a moeda dos EUA desacelerou os ganhos reagindo ao parecer do relator da reforma tributária, o deputado Celso Sabino, que trouxe diversas alterações ao projeto.

Os investidores ficaram animados com a informação de que os fundos imobiliários não serão tributados e a alíquota do imposto sobre ganhos de capital teve redução de 20% para 15%.

Além disso, o parlamentar revisou o corte do IRPJ, elevando o teor da redução para todos os regimes tributários, aliviando as preocupações.

Juros futuros avançam no compasso do rendimento dos Treasuries

Os contratos de juros futuros encerraram com aumento nas taxas em todos os períodos, refletindo a mesma dinâmica vista nos Treasuries.

Isto porque, o leilão de títulos da dívida americana registrou baixa demanda, o que elevou em 1,4% os rendimentos dos papéis de longo prazo.

Como resultado, o aumento dos yields puxou a inclinação da curva de juros brasileira, concluindo um movimento chamado “bear steepening”.

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader

Da mesma forma, a adição de prêmio de risco foi impulsionada pelo salto da inflação nos EUA mensurada pelo consumo da população.

O DI setembro/2021 subiu para 4,65% (4,63% no ajuste anterior), o DI julho/2023 avançou para 7,78% (7,74% no ajuste anterior) e o DI janeiro/2025 saltou para 8,41% (8,37% no ajuste anterior).

Quer ficar informado de todas as novidades sobre o mercado financeiro? Então participe do Canal do Fast Trade no Telegram acessando o link: https://t.me/plataformafasttrade

Dólar fecha estável cotado a R$5,17 em dia volátil e de forte cautela no exterior

Leia também:

Bradespar anuncia a distribuição de R$600 mi em dividendos extraordinários

Agronegócio brasileiro exportou US$12,1 bilhões em junho, alta de 25%

Fundos Imobiliários continuarão isentos na reforma tributária, diz o relator


Sobre o autor