Dólar e índice

Dólar fecha a R$5,54 com apetite ao risco e solução para o orçamento

Por Fast Trade
19 abril 2021 - 18:49 | Atualizado em 19 abril 2021 - 21:28
fraca liquidez

O dólar comercial fechou em queda de 0,63% nesta segunda-feira (19), na cotação de R$5,5480 na venda, refletindo o apetite ao risco no exterior.

Depois de oscilar nas primeiras horas de pregão, a divisa americana perdeu terreno contra o real, em função da forte demanda por emergentes. Além disso, a expectativa por uma solução positiva para o orçamento também contribuiu com o momento de alívio no câmbio.

Nesse sentido, os investidores repercutiam as falas do presidente Jair Bolsonaro, que garantiu “bater o martelo” sobre uma possível sanção ou veto do orçamento ainda hoje.

Dólar e Mini dólar – Desvendando este mercado

Em contrapartida, o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira, se comprometeu a mediar uma solução sem promover a ruptura do orçamento. Vale lembrar que o prazo limite para a sanção presidencial é até o dia 22 (quinta-feira), pós-feriado do Dia do Tiradentes.

Através de sua conta no Twitter, o deputado defendeu uma sanção sem vetos ao projeto, dizendo que as críticas à proposta são injustas e oportunistas.

De acordo com uma matéria do Valor, a equipe econômica está ciente de que as negociações estão em fase final, sendo que, a ideia é aprovar o texto-base com alguns vetos, que serão recompostos.

Em outro front, também ajudou a fortalecer a moeda brasileira as declarações do presidente da Petrobras, Joaquim Silva e Luna. Segundo o novo CEO da estatal, o objetivo da gestão será reduzir a volatilidade dos preços sem desrespeitar a paridade internacional.

Juros futuro fecham em queda com foco no cenário doméstico

Os contratos de juros futuros fecharam com redução nas taxas em todos os períodos, reagindo à agenda de indicadores e às incertezas sobre o orçamento.

Em um movimento de ajuste técnico, os investidores promoveram forte queima de prêmio na curva aproveitando o cenário de liquidez reduzida.

Assim, sem novidades sobre o orçamento, ficou em segundo plano o salto de 1,70% no IBC-Br de fevereiro, na comparação mensal.

Guia de A a Z de como se tornar um trader!

Ao mesmo tempo, a inclinação dos juros diminuiu e a diferença do spread bancário foi de 3,83 pontos neste pregão, equilibrando os preços dos papéis na margem.

O DI agosto/2021 caiu a 3,63% (3,66% no ajuste anterior), o DI outubro/2022 recuou para 5,95% (5,99% no ajuste anterior) e o DI janeiro/2025 declinou a 7,89% (7,96% no ajuste anterior).

Quer ficar informado de todas as novidades sobre o mercado financeiro? Então participe do Canal do Fast Trade no Telegram acessando o link: https://t.me/plataformafasttrade

Dólar fecha a R$5,54 com apetite ao risco e solução para o orçamento

Leia também:

Petróleo avança com queda no dólar e projeções sobre a demanda

JBS anuncia aquisição da plant based Vivera pelo valor de R$2,3 bilhões


Sobre o autor