HomePolítica

Cúpula do Mercosul: Brasil e Argentina arquitetam reação às tarifas americanas

Por Bruna Santos
04 dezembro 2019 - 11:48
Ibovespa futuro tem leve alta

A decisão do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de reestabelecer as tarifas de importação de aço e alumínio contra Argentina e Brasil sob alegação de que ambos os países estão desvalorizando suas respectivas moedas de propósito, faz com que negociadores brasileiros e argentinos ensaiem uma ação coordenada na Cúpula do Mercosul.

Diplomatas e negociadores econômicos dos dois governos devem se encontrar hoje (4)k, a fim de elaborar uma agenda conjunta.

De acordo com a Reuters, esse documento englobará as novas taxas americanas, segundo informações do embaixador e Secretário de Negociações Bilaterais e Regionais nas Américas do Itamaraty, Pedro Miguel da Costa e Silva.

Há, contudo, ressalvas sobre a continuidade do acordo entre as duas nações diante da iminente saída do presidente Mauricio Macri, que será substituído por Alberto Fernandéz, visto com desconfiança pelo presidente Jair Bolsonaro.

Em paralelo, duas medidas já foram fechadas na Cúpula do Mercosul; a que se refere ao reconhecimento de indicação geográfica e a facilitação de comércio.

No primeiro caso, produtos como o queijo da serra das canastras, no Brasil, obterá um selo de garantia contra o uso do nome indevidamente por outros países.

A segunda medida era muito aguardada pois prevê a simplificação de trâmites aduaneiros, através da eliminação de taxas cobradas para a expedição de documentos de exportação, por exemplo, o que pode gerar uma economia de US$ 500 milhões ao ano para os exportadores.

Apesar dos avanços, a Reuters acredita que a Cúpula do Mercosul não vai conseguir avançar no principal ponto de interesse do Brasil, que é a redução da Tarifa Externa Comum (TEC).

Para que isso seja possível, será preciso que o novo governo argentino – mais resistente às mudanças – tome posse.

O Brasil ainda tenta fechar, paralelamente ao Mercosul, o acordo bilateral automotivo com o Paraguai para tentar anunciá-lo até amanhã.


Sobre o autor