Agronegócio

Contratos de boi gordo registram forte queda após caso de “vaca louca” em MG

Por Fast Trade
02 setembro 2021 - 14:50 | Atualizado em 02 setembro 2021 - 15:41
carne bovina

Segundo o sócio-diretor da Scot Consultoria, Alcides Torres, autoridades locais detectaram um caso de “vaca louca” em um animal localizado em Minas Gerais. Ao que parece, o animal tinha mais de 10 anos e a suspeita foi informada aos frigoríficos que funcionam no estado pelo Serviço de Inspeção Federal (SIF).

Como resultado, a notícia abalou os contratos futuros de boi gordo negociados no mercado físico e na B3. No pregão de ontem, os contratos com vencimento em outubro desvalorizaram R$13,60 por arroba, fechando no preço de R$296,95/por arroba.

+ Clube de investimentos: Tudo o que você precisa saber

“No (mercado) físico, nós já estávamos observando um recuo nas cotações da arroba do boi gordo, em função do aumento da oferta de gado confinado em algumas praças pecuárias. Com esse caso da doença, a tendência é de que o mercado continue frouxo” – disse o executivo.

O Ministério da Agricultura emitiu uma nota explicando que os “casos em investigação são corriqueiros dentro dos procedimentos de vigilância estabelecidos e medidas preventivas são adotadas imediatamente para garantir o controle sanitário. Uma vez concluído o processo em investigação, os resultados serão informados”.

Medidas do Ministério da Agricultura

Ao mesmo tempo, o órgão governamental reuniu amostras do animal e enviou a coleta a um laboratório pertencente a Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) no Canadá, com o objetivo de obter dados específicos sobre o caso. Desse modo, a intenção é confirmar o diagnóstico e descartar a tese que fatores externos provocaram a doença.

Vale lembrar que essa enfermidade se desenvolve dentro do organismo do bovino em animais que já possuem uma idade mais avançada. Por isso, na maioria dos casos, a confirmação tem o propósito de identificar se a origem da doença ocorreu em função de elementos externos, o que pode prejudicar as exportações.

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader

Por fim, Torres destacou que o fato dos grandes frigoríficos suspenderem as exportações até a confirmação do caso é positiva. “Isso é bom porque mostra o comprometimento da cadeia brasileira com a segurança alimentar” – disse o sócio-diretor da Scot Consultoria.

Quer ficar informado de todas as novidades do mercado financeiro? Então participe do Canal do Fast Trade no Telegram através do link: https://t.me/plataformafasttrade

Contratos de boi gordo registram forte queda após caso de “vaca louca” em MG

Leia também:

Bolsa brasileira opera em queda com decisões do Congresso e indicadores; dólar cai

Produção industrial brasileira recua 1,3% e fica abaixo do nível pré-pandemia

Radar do Trader: aprovação do texto-base do IR e emprego nos EUA


Sobre o autor