Empresas

Cemig (CMIG4) lucra menos no 2T20 e Profarma (PFRM3) sai de lucro para prejuízo

Por Fast Trade
17 agosto 2020 - 07:30 | Atualizado em 17 agosto 2020 - 10:08
Cemig

Entre os destaques do balanço trimestral que segue movimentando os mercados acionários, atenção para os números da Cemig (CMIG4) e da Profarma (PFRM3).

Baixe agora: Guia completo para obter sucesso nos investimentos na Bolsa

Cemig (CMIG4)

Conforme o press release da Cemig, seu lucro líquido atribuível aos acionistas declinou 50,6%, passando de R$ 2,1 bilhões no 2T19 para R$ 1 bilhão.

Embora o segundo trimestre tenha sido o período mais crítico da pandemia do coronavírus, inclusive para o setor elétrico, a Companhia Energética de Minas Gerais destacou que a comparação mencionada acima foi abalada, principalmente, pelo reconhecimento de créditos de PIS/Pasep e Cofins sobre o ICMS, no total de R$ 1,9 bilhão.

Já o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) da Cemig ficou praticamente estável na mesma base de comparação, em R$ 1,8 bilhão.

Em contrapartida, excluindo itens não recorrentes, ele contraiu 11,3% de ano a ano, para R$ 941,2 milhões. Sua margem ajustada passou de 19% para 17,1%.

Nesse contexto, a companhia de energia destacou que a redução do Ebitda ajustado decorre, sobretudo, do decréscimo de 1,32% identificado na receita líquida ajustada.

Por sua vez, a queda da receita líquida ajustada, que contraiu 15,4%, totalizando R$ 5,9 bilhões no 2T20, está associada a um aumento de 2,03% nos custos operacionais ajustados no trimestre.

Veja esses e outros números da Cemig na íntegra.

Leia também: Lucro bilionário da B3 (B3SA3) e outros resultados

JBS (JBSS3), Suzano (SUZB3), brMalls (BRML3) e mais resultados do 2T20

Eletrobras (ELET3/ELET6) lucra R$ 4,6 bilhões no 2T20; ações caem no pregão

Profarma (PFRM3)

Já a Profarma Distribuidora de Produtos Farmacêutico (PFRM3) reverteu o lucro líquido de R$ 1,2 milhão apurado no 2T19 e amargou um prejuízo líquido de R$ 4,4 milhões no 2T20.

Além disso, sua receita líquida da companhia cresceu 10% na mesma base de comparação, somando R$ 1,24 bilhão ante R$ 1,13 bilhão.

Baixe agora: Guia de A a Z de como se tornar um trader!

Mesmo diante de um cenário de pandemia, registrou crescimento de sua receita bruta (+9,5%) pelo oitavo trimestre consecutivo, conforme destacou a companhia em seu relatório.

Já o lucro bruto da companhia expandiu 8,4% do segundo trimestre de 2019 para o de 2020, totalizando R$ 174,6 milhões, ante R$ 190,7 milhões.

Ademais, a Profarma reportou queda de 7,2% na despesa operacional (R$ 152,7 milhões), contra os R$ 164,5 milhões do segundo trimestre do ano passado.

Por fim, seu Ebitda, também conhecido como lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização, somou R$ 48,1 milhões.

No ano passado, esse mesmo indicador havia contabilizado R$ 150,3 milhões no segundo trimestre. Veja o release de resultados da Profarma na íntegra.

Baixe gratuitamente: Desvendando o Swing Trade – Tudo o que você precisa saber!

Quer ficar informado de tudo o que acontece no mercado financeiro com empresas como a B3 (B3SA3) e MUITO MAIS? Então participe gratuitamente do Canal do Fast Trade no Telegram através do link: https://t.me/plataformafasttrade


Sobre o autor