Empresas

CCPR3: Cyrela Commercial Properties lucrou R$ 128 mi em 2020, alta de 32,3% A/A

Por Fast Trade
15 fevereiro 2021 - 10:49 | Atualizado em 16 fevereiro 2021 - 11:06

A Cyrela Commercial Properties (CCP), identificada como CCPR3 na B3, apurou um lucro líquido de R$ 128 milhões em 2020. De acordo com o relatório de resultados da Companhia, o saldo representa uma alta de 32,3% na comparação anual.

No quarto trimestre, o lucro da Cyrela passou de R$ 53,4 milhões (4T19) para R$ 29,8 milhões (4T20), ou seja, -44,3%.

+ Guia do Investidor Iniciante: acesse o material gratuito.

Ao mesmo tempo, o Ebtida ajustado recuou 2,9% na passagem de 2019 para 2020, totalizando R$ 290,8 milhões. O resultado, no entanto, foi amenizado pelo Ebitda ajustado de outubro, novembro e dezembro (R$ 81,8 milhões, alta de 8,4%)

+ Guia de A a Z de como se tornar um trader: baixe gratuitamente!

Além disso, a receita líquida da CCPR3 foi de R$ 486,3 milhões no acumulado do ano passado, salto de  3,3% ante 2019. Em contrapartida, a receita líquida do último trimestre do ano passado foi de R$ 123,1 milhões, um decréscimo de 4,2% em relação aos R$ 128,5 milhões computados no mesmo período de 2019.

Por fim, acesse a íntegra do relatório de resultados da Cyrela e veja outros destaques da incorporadora e construtora de imóveis.

+ Derivativos – O guia definitivo para começar a investir: confira!

Antes de mais nada, leia notícias não relacionadas com a CCPR3:

Atividade econômica subiu 0,64% em dezembro, mas recuou 4,05% em 2020

ALPA4: Alpargatas reporta receita líquida recorde de R$ 1,1 bilhão no quarto trimestre

Ibovespa acumula queda semanal de 0,68% refletindo o auxílio emergencial

Dólar fecha a R$5,37 com foco na perspectiva econômica do país

Petróleo volta a subir nesta sexta-feira (12) e dispara na semana

Mercado de capitais: ofertas de ações somam R$ 5,8 bi em janeiro

Lucro ajustado do Banco do Brasil (BBAS3) sobe 6,1% no 4T20

NEOE3: lucro atribuído aos controladores da Neoenergia foi de R$ 996 mi no 4T20

TOTS3: Totvs registra lucro líquido de R$ 294,9 milhões em 2020 (+40% A/A)


Sobre o autor