HomePolítica

Brasil e Estados Unidos selam acordo para uso comercial da base de Alcântara

Por Eloiza Amaral
11 março 2019 - 14:04

Brasil e Estados Unidos fecham um acordo sobre o uso comercial do Centro de Lançamentos de Alcântara, no Maranhão. A conclusão das negociações era esperada por autoridades e pesquisadores de ambas as nações, principalmente pela Força Aérea, pois isso injetará recursos no programa espacial brasileiro.

Manual do Imposto de Renda para Investidores

O Acordo de Salvaguardas Tecnológicas tem cláusulas que protegem as tecnologias utilizadas pelos países, e na prática os norte americanos poderão lançar foguetes no local, assim como a Força Aérea Brasileira.

A principal atividade exercida na base é o lançamento de satélites ao espaço, por ter capacidade logística e infraestrutura necessária para a realização dos trabalhos. Devido à localização, próxima da linha do Equador, são economizados cerca de 30% de combustível.

Reforma da Previdência: O Futuro Dos Investimentos No Congresso Nacional

O embaixador do Brasil nos EUA, Sérgio Amaral, disse ao jornal O Estado de S. Paulo nesta segunda feira (11), que ‘’ a parceria deixa o Brasil mais forte no debate sobre a cooperação espacial e colabora com a pretensão de lançar mísseis de maior porte, que podem ser utilizados, inclusive, no uso comercial de lançamento de satélites.’’

As negociações ocorrem desde 2002, durante o governo de Fernando Henrique Cardoso (PSDB), que até chegou a assinar um acordo com o presidente americano George W. Bush, mas que foi barrada pelo Congresso Nacional com a alegação de que a medida iria ferir a soberania nacional.

Relatório Especial: Fundos Imobiliários

Em 2002 a proposta não foi para frente, no entanto, em 2018 o assunto voltou a ser colocado em pauta e é provável que o acordo seja assinado oficialmente no dia 19 de março, quando Donald Trump e Jair Bolsonaro irão se encontrar em Washington.

No mundo, o setor espacial movimenta US$330 bilhões, e o presidente da Comissão de Coordenação de Implantação de Sistemas Espaciais da FAB Major Brigadeiro do Ar Luiz Fernando de Aguiar acredita que poderíamos ganhar com a parceria 10% deste valor.

E-book: Guia completo e definitivo da Previdência Privada


Sobre o autor