Política

Bolsonaro debate economia com governadores e mais destaques do dia

Por Bruna Santos
21 maio 2020 - 08:25 | Atualizado em 21 maio 2020 - 11:50
Jair Bolsonaro se reuniu para iniciar o planejamento de transição de mandato

presidente Jair Bolsonaro se reunirá hoje (21), por videoconferência, com governadores para discutir ajuda a Estados, mas também sobre a pauta econômica. A expectativa do mercado é se o Chefe de Estado baixará o tom ou se fomentará a crise política.

Recentemente, Bolsonaro desferiu críticas a alguns chefes do Executivo estadual e municipal.

É possível que o presidente da República sancione o projeto de ajuda financeira aos Estados e municípios, aprovado pelo Congresso, em troca de apoio para o veto a reajustes salariais para o funcionalismo público.

Na sexta-feira passada (15), Paulo Guedes, o ministro da Economia, manifestou preocupação de que o Congresso derrube o eventual veto. Um recuo da parte de Bolsonaro pode representar forte desgaste para o economista e sua política de controle de gastos.

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), afirmou em Live do Valor que a maioria dos chefes de Executivos estaduais concorda com o veto.

Além do debate entre Bolsonaro e governadores sobre a economia, o mercado monitora os desdobramentos das acusações envolvendo o filho 01 do presidente, Flávio Bolsonaro.

Do mesmo modo, cresce a ansiedade em torno da divulgação do vídeo, na íntegra, da reunião ministerial de abril. O material foi apontado pelo ex-ministro Sergio Moro como prova após acusar uma tentativa de interferência do presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal.

Entre os indicadores econômicos, atenção para a arrecadação de tributos federais e contribuições previdenciárias, divulgada pela Receita Federal. Além disso, saem os dados da prévia de maio da Sondagem da Indústria da FGV.


Sobre o autor