HomeMercados

Bolsas da Europa fecham em alta acompanhando os ganhos em Wall Street; Londres recua

Por Pablo Vinicius Souza
26 fevereiro 2019 - 18:06

As principais Bolsas de valores da Europa encerraram o pregão desta terça-feira (26) em alta, acompanhando os ganhos vistos em Wall Street. Os investidores acompanharam de perto as falas do presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, em sua análise da economia norte-americana. “Ao mesmo tempo em que vemos as condições econômicas atuais como saudáveis e as perspectivas econômicas como favoráveis, nos últimos meses vimos algumas contracorrentes e sinais conflitantes”, declarou Powell.

Baixe o E-book O Guia Completo de Como Ter Sucesso Nas Operações de Day Trade

Mesmo entre críticas, as afirmações do presidente do Fed trouxeram ânimo ao mercado e os índices em Wall Street subiram forte após o discurso, impulsionando o desempenho das ações europeias. O pan-europeu Stoxx 600 valorizou 0,39%, aos 373 pontos. Em Frankfurt, o DAX subiu 0,31%, aos 11.540 pontos, com as companhias Aroundtown (+1,20%), Deutsche Bank (+1,06%) e E.ON (+0,75%) liderando os ganhos do índice. Na ponta negativa, Deutsche Telekom recuou 0,58%.

Baixe o e-book: Desvendando o swing trade: tudo o que você precisa saber!

Em Londres, o FTSE 100 teve baixa de 0,45%, aos 7.151 pontos, com a libra avançando na sessão, pressionando as ações do setor de exportação. Em relação aos balanços corporativos, a Fresnillo perdeu 8,3%, depois de divulgar um balanço que decepcionou os investidores e a Croda teve redução de 3,5% após mostrar um resultado muito abaixo do esperado.

Baixe o e-book: Guia completo para investimento em renda fixa

O Partido Trabalhista do Reino Unido declarou na noite de ontem que poderá apoiar um segundo plebiscito para o Brexit. Porém, a primeira-ministra britânica, Theresa May, afirmou que no caso de rejeição pelo Parlamento do novo acordo, que será votado dia 12 de março, ela oferecerá duas alternativas: adiar a saída da União Europeia ou partir para uma ruptura sem um acordo. O presidente do Banco da Inglaterra sinalizou que a economia do país não está preparada para essa situação e reiterou que haverá consequências drásticas se não houver um acordo.

Relatório gratuito – Petrobras: O petróleo é nosso

Em Paris, o CAC 40 apreciou 0,13%, aos 5.238 pontos, com destaque para as empresas Air France-KLM (+5,38%), Vallourec (+3,42%) e AXA (+0,11%). Em Milão, o FTSE Mib aumentou 0,11%, aos 20.459 pontos. No setor bancário italiano, o Intesa Sanpaolo perdeu 0,38%, o BPM cresceu 3,58% e Unione di Banche Italiane avançou 1,93%.

Relatório gratuito – Banco do Brasil: O gigante acordou

CidadeÍndice25/0226/02
Toda a EuropaStoxx 600+0,26%+0,39%
FrankfurtDAX+0,42%+0,31%
LondresFTSE 100+0,07%-0,45%
 ParisCAC 40+0,31%+0,13%
MilãoFTSE Mib+0,86%+0,11%
MadriIBEX 3500%+0,25%
BruxelasBEL 20+0,41%+0,48%
LisboaPSI 20+0,01%+0,21%

Baixe o Infográfico: 5 motivos – Por Que Investir na Bolsa Agora É Um Bom Negócio


Sobre o autor