AçõesHome

Bolsas da Ásia fecham sem direção comum refletindo as negociações EUA-China

Por Pablo Vinicius Souza
14 fevereiro 2019 - 11:30
Bolsas da Ásia fecham majoritariamente em baixa com Coreia do Sul e China; Tóquio avança

As Bolsas de valores da Ásia e Oceania fecharam o pregão desta quinta-feira (14) sem direção comum, com o mercado se posicionando com maior cautela diante das negociações entre Estados Unidos e China, que estão ocorrendo em Pequim. Na tarde de ontem, o presidente americano Donald Trump declarou que a situação estava transcorrendo muito bem e que estaria disposto a adiar por 60 dias o prazo final da trégua, caso um acordo estivesse em andamento.

Baixe o E-book O Guia Completo de Como Ter Sucesso Nas Operações de Day Trade

Outro aspecto que movimentou os índices asiáticos foi a notícia de que as exportações chinesas aumentaram 9,1% em janeiro, na comparação ao mesmo mês de 2018. O resultado surpreendeu positivamente o mercado, já que as projeções dos economistas indicavam um cenário de redução em 4,1% nas operações de saída. Na mesma linha, as importações da China caíram apenas 1,5%, enquanto os investidores esperavam por uma queda brusca de 11%.

Baixe o Infográfico: 5 motivos – Por Que Investir na Bolsa Agora É Um Bom Negócio

Embora o desempenho geral das atividades de comércio exterior tenha sido muito satisfatório, ainda não foi o suficiente para segurar a valorização dos índices no gigante asiático. O Xangai Composto declinou 0,05%, aos 2.719 pontos e o SZSE Component, de Shenzhen, subiu 0,60%, aos 8.219 pontos. Em Tóquio, o Nikkei 225 recuou 0,02%, aos 21.139 pontos, com os setores de construção naval, borracha e mineração liderando as perdas da sessão.

Baixe o e-book: Desvendando o swing trade: tudo o que você precisa saber!

Em Seul, o Kospi avançou 1,11%, aos 2.225 pontos e o Hang Seng, de Hong Kong, cedeu 0,23%, aos 28.432 pontos. Na Oceania, os índices aprofundaram as perdas. O S&P ASX 200, de Sidney, teve leve baixa de 0,07%, aos 6.059 pontos e o NZX 50, de Wellington, desabou 0,52%, aos 9.284 pontos.

Relatório gratuito – Banco do Brasil: O gigante acordou

Cidade Índice

13/02

14/02

Sidney S&P ASX 200 -0,25% -0,07%
Wellington NZX 50 +0,57% -0,52%
Hong Kong Hang Seng +1,16% -0,23%
Seul Kospi +0,50% +1,11%
Tóquio Nikkei 225 +1,34% -0,02%
Mumbai Nifty 50 +0,35% -0,44%
Jacarta IDX Composite -0,11% +0,01%
Xangai Xangai Composto +1,84% -0,05%
Shenzhen SZSE Component +2,01% +0,60%

Relatório gratuito – Petrobras: O petróleo é nosso


Sobre o autor