HomeMercados

Bolsas da Ásia fecham com desempenho misto em atenção aos estímulos econômicos na China

Por Bruna Santos
08 abril 2019 - 08:13

As principais Bolsas da Ásia encerraram o pregão desta segunda-feira (08) apresentando um desempenho misto, repercutindo o aceno do governo chinês à aplicação de nova rodada de estímulos em sua economia. O mercado também adotou maior cautela à espera da divulgação dos resultados corporativos nos EUA, em mais uma temporada de balanços, que dessa vez, promete ser complicada.

Segundo as projeções dos analistas, o momento é de tensão visto que os grandes bancos americanos estão se preparando para apurar o primeiro trimestre de queda nos lucros, desde 2016. JP Morgan Chase e Wells Fargo divulgarão os balanços já na próxima sexta-feira (12). Os dados podem indicar que a economia dos EUA continua desacelerando, embora o governo tenha registrado dados fortes de geração de empregos.

Baixe o E-book O Guia Completo de Como Ter Sucesso Nas Operações de Day Trade

Ainda no radar, na próxima quarta-feira (10), o Banco Central americano (Fed) publicará a ata de sua última reunião, contendo informações sobre as decisões de política monetária. A expectativa é que o Federal Reserve mantenha a taxa de juros estável até o final de 2019.

Bolsas da China

Depois de permanecer fechado na última sexta-feira devido ao feriado, o mercado chinês operou com o seu principal índice renovando as máximas de 13 meses. Contudo, a queda das ações de empresas ligadas ao setor financeiro limitou o desempenho geral, levando o Xangai Composto a fechar com baixa marginal de 0,05%, aos 3.244 pontos.

Por ser menos abrangente, o SZSE Componente, de Shenzhen, recuou 0,61%, aos 10.351 pontos. No final de semana, o governo chinês prometeu trabalhar ativamente na redução dos compulsórios bancários, visando estimular a concessão de financiamentos para pequenas e médias empresas, que, atualmente, são o segmento-chave para o desenvolvimento da segunda maior economia global.

Manual do Imposto de Renda para Investidores

Os investidores ainda ficaram atentos aos desdobramentos da rodada de negociações sino-americanas em Washington, que ocorreu semana passada. Representantes dos dois países afirmaram que o diálogo está tendo progresso e que ambos caminham para fechar um acordo satisfatório.

 Demais mercados asiáticos

Em Tóquio, o Nikkei 225 caiu 0,21%, aos 21.761 pontos, com os setores bancário, construção naval e seguros liderando as perdas da sessão. O fortalecimento do iene contra o dólar também contribuiu para a derrocada do índice geral.

Em Hong Kong, o Hang Seng avançou 0,47%, aos 30.077 pontos, com as companhias do setor farmacêutico impulsionando o movimento de alta. No Seul, o Kospi apreciou 0,04%, aos 2.210 pontos e em Jacarta, o IDX Composite desabou 0,75%, aos 6.425 pontos.

Mercados da Oceania

Na Oceania, a Bolsa australiana disparou 0,65%, aos 6.221 pontos amparada pelas petrolíferas e mineradoras, que valorizaram com a alta das commodities. Em contrapartida, o neozelandês NZX 50 teve redução de 0,51%, aos 9.807 pontos.

 

      Cidade Índice 05/04 08/04
Sidney S&P ASX 200 -0,83% +0,65%
Wellington NZX 50 -0,36% -0,51%
Hong Kong Hang Seng Não operou +0,47%
Seul Kospi +0,14% +0,04%
Tóquio Nikkei 225 +0,38% -0,21%
Mumbai Nifty 50 +0,59% -0,53%
Jacarta IDX Composite -0,32% -0,75%
Xangai Xangai Composto Não operou -0,05%
Shenzhen SZSE Component Não operou -0,61%

 


Sobre o autor