EmpresasHome

Banco do Brasil (BBAS3) e UBS – Criação de nova gestora

Por Felipe Bevilacqua
22 outubro 2018 - 10:15
BBAS3

O Banco do Brasil e o banco suíço UBS podem fazer parceria (joint venture) para criação de uma nova gestora independente de ativos.

No entanto, a notícia não foi confirmada pelas partes envolvidas.

E Eu Com Isso?

A notícia é positiva para as ações do Banco do Brasil (BBAS3) no curto prazo. O Banco do Brasil, se confirmado, deve seguir a tendência do mercado de gestão independente, que tem crescido em altas taxas nos últimos anos.

As negociações para a criação da joint venture iniciaram em janeiro. Naquele momento, foi aventada a possibilidade de fazer a parceira com o Goldman Sachs, no entanto, a parceria com o UBS seguiu em frente.

O Banco suíço deve ter 51 por cento do controle acionário da nova empresa, enquanto o BB deve ficar com os 49 por certo restantes.

Nossa avaliação é positiva para a operação. O mercado de investimentos independente no Brasil tem crescido forte, a taxas superiores de 50 por cento ao ano. O crescimento é resultado da redução de diversas fronteiras no passado recente, aliado a uma comunhão de fatores macroeconômicos (redução de juros e inflação controlada) e uma maior capilaridade da internet. O processo de desbancarização segue em forte tendência de alta.

Leia também:

Cenário eleitoral faz Estatais impulsionarem alta da Ibovespa


Sobre o autor