EconomiaHome

Banco Central anuncia leilões de swaps reversos e de dólares à vista para dezembro

Por Bruna Santos
29 novembro 2019 - 12:05
Foto: Arquivo Istoé

Após colocar à venda US$34,4 bilhões das reservas internacionais ao longo dos últimos meses, o Banco Central (BC) vai findar o ano com novos leilões de swaps reversos e de dólares à vista.

Segundo o comunicado da autoridade monetária após o fechamento dos mercados, serão leiloados outros US$ 7,5 bilhões no mercado.

Nesse sentido, os leilões previstos para dezembro não estão vinculados às intervenções do BC para conter a alta do dólar.

Nas vésperas, o impacto sobre o câmbio foi praticamente nulo frente às vendas praticadas, então os leilões de swaps e de dólares a vencer em 3/2/2020 no montante de US$7,5 bi (149.130 contratos) representa um novo modelo de intervenção cambial com reflexos na política fiscal ao reduzir os juros da dívida pública e ajudar a segurar o endividamento do governo nos momentos em que o câmbio estiver alto.

Conforme publicado, o Banco Central ofertará, de 2 a 20 de dezembro, lotes diários de:

  • venda de dólares à vista, de forma simultânea à oferta no mesmo montante em swaps reversos;
  • swaps cambiais, para o complemento da rolagem.

Ao final do período de execução, o dinheiro será usado para renovar contratos de swap cambial tradicional, isto é, a venda de dólares no mercado futuro, que vencem em fevereiro de 2020.


Sobre o autor