Empresas

Bain deve vender até 50% da sua posição na NotreDame Intermédica

Por TradersClub
23 setembro 2021 - 10:06 | Atualizado em 23 setembro 2021 - 10:07
Ether e AVAX

São Paulo, 23 de setembro – O grupo americano de private equity Bain deverá vender até 50% da sua posição na NotreDame Intermédica, por meio de uma venda em bloco nesta quinta-feira, informou o Brazil Journal. A depender da demanda, operadores apostam que a Bain pode alienar todas as 68,8 milhões de ações que detém da companhia, em operação conhecida como block trade.

Confira a seguir outras notícias que devem mexer com a B3 nesta quinta-feira.

LEIA: Como funciona a ordem de compra no mercado financeiro? Entenda seus tipos!

Cyrela

A Vivaz, braço do grupo Cyrela focado em baixa e média renda, deixará de atuar exclusivamente no programa Casa Verde e Amarela e lançará uma linha ‘prime’. Os apartamentos deverão custar entre R$240 mil e R$500 mil, diz coluna do jornal O Estado de S. Paulo. A medida, diz a publicação, tem como objetivo aliviar margens em meio à inflação do setor.

Minerva e Multiplan

A companhia do setor alimentício Minerva aprovou a emissão de R$400 milhões em debêntures. Enquanto isso, a administradora de shoppings Multiplan aprovou a emissão de R$450 milhões também em debêntures.

Trocas de comando

Dona das marcas Ipiranga e Ultragaz, a Ultrapar está preparando Marcos Marinho Lutz para o comando do Conselho de Administração, atualmente nas mãos de Pedro Wongtschowski, cujo mandato termina em abril de 2023. No processo de preparação, Lutz será diretor-presidente a partir de janeiro de 2022.

E Candido Junior deixará a vice-presidência comercial e de relacionamento da operadora de saúde Hapvida em dezembro, data na qual Lício Cintra ocupará o cargo. Junior continuará no bloco de controle e exercendo outras funções na empresa. O Conselho também aprovou a distribuição de R$45,7 milhões brutos em juros sobre capital próprio em 22 de outubro.

Copel e Hypera

A Companhia Paranaense de Energia, Copel, aumentará os investimentos nas operações de distribuição em R$85 milhões, para R$1,3 bilhão até o final de 2021, segundo comunicado. E a farmacêutica Hypera aprovou a distribuição de R$194,77 milhões em juros sobre capital próprio para pagamento até o final de 2022.

Kora Saúde Na NotreDame Intermédica

O conselho da rede hospitalar aprovou a contratação de R$100 milhões em empréstimos junto ao Banco do Brasil para financiar a subsidiária Camburi Participações. A operação atrelada ao CDI vence em até 72 meses.

LEIA: Quais são os tipos de BDRs e por que vale a pena investir?

Participação em empresas Na NotreDame Intermédica

A Ponta Sul Investimentos reduziu participação na Bemobi e passou a deter 9,68% das ações ordinárias da companhia. Já os fundos geridos pela Verde Asset aumentaram participação na Light e passaram a deter 5,01% das ações ordinárias da companhia.

E a Tarpon Capital passou a deter 10,217% das ações ordinárias da Log-In, de acordo com comunicado. Enquanto isso, a gestora Atmos passou a deter 5,81% das ações ordinárias de emissão da varejista de moda Grupo Soma.

Na NotreDame Intermédica


Sobre o autor